VOLTAR BLOCO 17

 

 
 

007 CONTRA O SATÂNICO DR. NO
SEAN CONNERY & URSULA ANDRESS

Agente do Serviço Secreto britânico, James Bond (007), é enviado ao Ocidente para descobrir por que os outros agentes foram mortos.

A chegada dele não é recebida com boas-vindas por todo mundo, mas não é nada até encontrar o rastro do assassino.

O rastro conduz a um cientista reservado, Dr. NO, mas a descoberta tem implicações mais sérias.

No primeiro de ação de James Bond que deu origem a uma série de vários outros.

Mas não deixe de ver os erros também.

Diretor: Terence Young
Escritores: Richard Mailbaum & Johanna Harwood

Baseado no livro de Ian Fleming

Gênero: Ação / Aventura

MGM

Título Original: Dr. NO
Tempo: 110 minutos
Cor: Colorido
Ano de Lançamento: 1962 - USA
Recomendação: 16 anos

ELENCO

Sean Connery .... Comandante James Bond, Agente 007
Ursula Andress .... Honey Ryder
Joseph Wiseman .... Dr. No
Jack Lord .... Felix Leiter
Bernard Lee .... M
Anthony Dawson .... Professor Dent
Zena Marshall .... Miss Taro
John Kitzmiller .... Quarrel
Eunice Gayson .... Sylvia
Lois Maxwell .... Miss Moneypenny
Peter Burton .... Major Geoffrey Boothroyd, "Q"
Yvonne Shima .... Irmã Lily
Michel Mok .... Irmã Rose
Marguerite LeWars .... Fotógrafo
William Foster-Davis .... Superintendente Duff

FICHA TÉCNICA

Produção .... Albert R. Broccoli
Produção .... Harry Saltzman
Música .... Monty Norman
Fotografia .... Ted Moore
Desenho de Produção .... Ken Adam
Direção de Arte .... Syd Cain
Figurino .... Tessa Welborn
Edição .... Peter R. Hunt

PRODUTORAS

Danjaq Productions
Eon

DISTRIBUIDORAS

United Artists
MGM

ERROS

1. Na perseguição logo no começo do filme, o velocímetro do veículo que persegue Bond é completamente diferente do que deveria existir no carro que ele está dirigindo. Erros do site www.falhanossa.com

2. James Bond tem uma aranha no braço. Olhe com atenção e você vai perceber que existe um vidro separando-a dele.

3. Bond e Honey estão na praia. Um dos capangas do Dr. NO usa um megafone para falar. Depois ele aparece sem o megafone, mas sua voz tem o mesmo som de como se ele ainda o estivesse usando. Entretanto ele não está mais segurando isto perto da boca.

4. Quando o sujeito negro é cortado, ele tem muito sangue no rosto. Porém na próxima cena ele está bem e sem sangue.

5. Bond é apanhado do aeroporto, invade um carro, e briga com o motorista. Em um certo ponto ele usa o braço direito, mas com a mudança de câmera, ele aparece usando o esquerdo.

6. Bond se senta numa mesa, derruba alguns cartões, e arranca sua arma. Ele está usando uma gravata, mas quando nós o vermos em close-up fixando o silenciador, a gravata desaparece.Erros do site www.falhanossa.com

7. Quando Bond vai na casa da Srtª. Taro e entra, uma das cortinas está virada na porta, mas antes ela não estava.

8. Durante o encontro a noite no bar, nós podemos ver uma banda e um cantor. Mas o movimento dos lábios dele não combina com o que é cantado.

9. Na cena em que o Sean Connery sai do tubo de ventilação lá no esconderijo do Dr No, Ele (Connery) está sozinho na cena, mas ele pede pra alguém fazer silêncio. Talvez deva ser o filho dele que estava assistindo a gravação. (Contribuição de Benedito Nonato - Fã de Carteirinha)

10. Quando o 007 sai pelo sistema de ventilação ele quase morre afogado. Em seguida em sai novamente pela ventilação em outra sala. Como pode aquela água toda estar no sistema de ventilação? (Contribuição de Raul Souza - Fã de Carteirinha)

11. Na mesma cena a que se refere o erro 6, Bond rosqueia um silenciador em uma pistola. Durante todo o filme (e em quase todos da série), sua arma é uma pistola Walther PPK, porém, nesta cena, ele rosqueia o silenciador em uma FN - Browning modelo 1910. (Contribuição de Erick Tamberg - Fã de Carteirinha)

::Enviar informações deste filme::
Clique aqui para enviar erros e comentários apenas deste filme.

IMAGENS E CURIOSIDADES

A) Sean Conery tem aracnofobia e ele não conseguiu fazer a cena com a aranha, nas partes que ela sobe no corpo dele e não mostram o rosto, quem faz a cena é um duble. Nas cenas que aparece o rosto dele com a aranha os produtores usaram uma técnica que era ótima para a época do filme onde eles filmaram a aranha sozinha e Sean Conery sozinho, depois colocaram a aranha andando em cima dele. (Contribuição de Ricardo Martins - Fã de Carteirinha)

B) Realmente, a Walther PPK como vinda de fábrica, não permite a adaptação para uso de silenciador, problema este encontrado em todas as pistolas cuja mola recuperadora fique em volta do cano (caso também da FN - Browning modelo 1910). As Walthers PPK utilizadas com silenciador na vida real (inclusive pela CIA) recebiam o cano mais longo de sua "irmã maior" Walther PP, que tinha 98 mm de comprimento (contra os 83 mm da Walther PPK), sendo que a rosca era executada nos 15 mm de cano que sobressaíam de ferrolho. Ou, então uma solução ainda mais simples é montar o ferrolho de uma PPK em uma PP, mantendo-se o cano original desta última, ainda com a vantagem se ter um aumento em 1 (um) tiro na capacidade do carregador. Ou seja, até dá para adaptar uma Walther PPK para utilizar silenciador, mas a modificação, quando ela estiver desprovida deste acessório, ficará bem evidente. (Contribuição de Erick Tamberg - Fã de Carteirinha)