VOLTAR FILMES INTERNAUTAS 12

 

 
 

ALEXANDRE
COLIN FARRELL & ANGELINA JOLIE

Alexandre (Colin Farrell) tem planos ambiciosos, partindo com seus exércitos da Macedônia rumo à Ásia Ocidental dominada pelo império persa.

Considerada uma guerra impossível, Alexandre sai vitorioso e aumenta seus domínios para locais até então desconhecidos, como a Ásia Central e o Himalaia.

Seus feitos militares fazem com que ele domine todo o terrirório entre a Macedônia e a Índia, sem ter sofrido uma derrota sequer.

Enquanto aumenta seus domínios, Alexandre precisa lidar com seus pais, Philip (Val Kilmer) e Olympia (Angelina Jolie), sua esposa ambiciosa Roxane (Rosario Dawson), seu amigo de longa data Hephaestion (Jared Leto) e o general Ptolomeu (Anthony Hopkins), seu homem de confiança.

Mas não deixe de ver os erros também.

Diretor: Oliver Stone
Escritores: Oliver Stone, Christopher Kyle & Laeta Kalogridis

Baseado na história de Dylan Sellers, Don Rhymer & Harald Zwart e nos personagens criados por Jeffrey Jurgensen

Gênero: Aventura / Ação

Site Oficial: www.alexandre-ofilme.com.br

Warner Bros.

Título Original: Alexander
Tempo: 176 minutos
Cor: Colorido
Ano de Lançamento: 2004 - USA
Recomendação: 14 anos

ELENCO

Colin Farrell .... Alexandre
Jessie Kam .... Alexandre - criança
Connor Paolo .... Alexandre - jovem
Elliot Cowan .... Ptolomeu
Robert Earley .... Ptolomeu - jovem
Anthony Hopkins .... Ptolomeu - velho
Angelina Jolie .... Olympia
Val Kilmer .... Rei Philip
Christopher Plummer .... Aristóteles
Jared Leto .... Hephaestion
Patrick Carroll .... Hephaestion - jovem
Rosario Dawson .... Roxane
Féodor Atkine .... Pai de Roxane
Joseph Morgan .... Philotas
Ian Beattie .... Antigonus
Jonathan Rhys-Meyer .... Cassandro
Morgan Christopher Ferris .... Cassandro - jovem
Denis Conway .... Nearchus

FICHA TÉCNICA

Produção .... Moritz Borman
Produção .... Jon Kilik
Produção .... Thomas Schühly
Produção .... Iain Smith
Produção .... Oliver Stone
Música .... Vangelis
Fotografia .... Rodrigo Prieto
Desenho de Produção .... Jan Roelfs
Direção de Arte .... Desmond Crowe
Direção de Arte .... James Lewis
Direção de Arte .... Kevin Phipps
Direção de Arte .... Stuart Rose
Figurino .... Jenny Beavan
Edição .... Yann Hervé
Edição .... Alex Marquez
Edição .... Thomas J. Nordberg
Efeitos Especiais .... BUF Compagnie
Efeitos Especiais .... The Moving Picture Company

PRODUTORAS

Warner Bros.
Pacifica Film
Intermedia Films
IMF Pictures

DISTRIBUIDORA

Warner Bros.

ERROS

1. Na cena em que Alexandre monta em seu cavalo, Bucéfalo, e prova que pode montá-lo, ele sobe direto no pêlo do animal, porém quando ele desce do cavalo cai uma cobertura que aparentemente fora colocada para não machucar a pessoa que estava montando o cavalo. (Contribuição de Alexandre Formiga - Fã de Carteirinha)

2. Naquela época os cavalos já usavam ferraduras? Pois Ucéfalo estava usando ferraduras! (Contribuição de Alexandre Formiga - Fã de Carteirinha)

3. Alexandre está montado em seu cavalo com uma bota com solado vulcanizado. Será que os macedônios já conheciam este material? (Contribuição de Angela Berardinelli - Fã de Carterinha)

4. Na cena em que Alexandre está na montanha congelada, alguém lhe fala que ali Prometeu foi acorrentado, e uma "águia" vem comer seu fígado todos os dias. Antes o seu pai lhe diz na caverna que é um "abutre" que come o seu fígado. Mas qual é a ave certa? Erro de legenda? (Contribuição de Ivan Luiz Chudzik Santos - Fã de Carteirinha) --> Gostaria de argumentar que já vi em livros de Mitologia as duas versões, uma águia ou um abutre. Vejo apenas uma lógica: a "águia" era o animal símbolo de Zeus, usado nos seus raptos, como aconteceu ao troiano Ganímedes. A águia significava o poder e a personalidade majestosa de Zeus, não devendo ser usado para fins punitivos. O mais certo é que seria o "abutre", natural e carniceiro predador. Antes de se suceder o Dilúvio, na época em que reinava Foroneus (assimilado ao Adão bíblico), o titã Prometeus, pretendendo auxiliar os homens, que viviam isolados em frias cavernas, divididos em pequenos clãs, roubou do Céu o fogo e concedeu-o aos homens (seria a descoberta do fogo?), iniciando uma nova fase, a das civilizações, contrariando a supremacia de Zeus, que se zangou e resolveu punir Prometeus, acorrentando-o sobre o Cáucasos (o filme "Alexandre" refere-se a outra cordilheira, mais ao Oriente). E enviou contra o titã um "abutre" para dilacerar o seu fígado todos os dias, que em seguida se refazia, dando a Prometeus sofrimento eterno. Então, Zeus resolveu também punir os homens, enviando a eles o Dilúvio, cujos sobreviventes foram Deucálion (filho de Prometeus) e Pirra (filha de Hefaístos), assimilados a Noé e sua mulher. (Contribuição de Valcir Donato - Passo Fundo / RS - Fã de Carteirinha)

5. Eles mesmos falam que Roma não passa de uma vila, mas o narrador, mais pro fim do filme, está em um salão com um mapa do mundo falando do império de Alexandre, só que tal está escrito em latim ao invés de grego! Se não me engano, quando Aristóteles dá a aula, também há esse erro. (Contribuição de Marciano T. Souza - São Paulo / SP - Fã de Carteirinha)

6. Em várias cenas aparece uma legenda indicando que o lugar é Babilônia - Pérsia. Ora, Babilônia era o nome de uma antiga cidade e de uma região (parte do atual Iraque), e a Pérsia, outra, separadas inclusive por um pedaço de mar (Golfo Pérsico), não tendo portanto nada a ver uma com a outra geograficamente. Talvez os produtores tenham entendido que a Babilônia estava sob domínio do Império Persa, o que mesmo assim não justifica, pois são territórios distintos, e também porque Império Persa e Pérsia têm contextos diferentes (Um é o Estado, outra, uma região desse Estado, que lhe deu nome). O pior é que a mesma legenda aparece depois que o dito império já havia chegado ao fim, conquistado por Alexandre, perdendo todo o nexo com o contexto histórico. Já imaginou um filme onde aparecesse uma legenda dizendo: Amazônia - Portugal, cuja história se passasse após a independência do Brasil? (Contribuição de Mateus de Souza - Fã de Carteirinha)

7. Quando eles estão na batalha do rei Dario, o homem que não tem olho mandou um rapaz ir chamá-lo, quando ele sobe no cavalo sua saia levanta e aparece a cueca! (Contribuição de Mariana Campos Moreira - Fã de Carteirinha)

8. Na cena da primeira grande batalha, em que o exército de Alexandre está em minoria, quando os inimigos vêm de encontro com a linha de frente que é composta pelos lanceiros, fica nítida a imagem das lanças se entrelaçando com pontas redondas, pequenas bolas de borracha. (Contribuição de Erik Stilhano Lopes - Mogi das Cruzes - Fã de Carteirinha)

9. Quando o pai de Alexandre (Val Kilmer) está bêbado e discutindo com ele perante todos, o pai manda ele se desculpar perante todos, ai a câmera vai passando de rosto em rosto (mostrando a fisionomia dos presentes) visto que foca em uma moça que simplesmente possui aparelho nos dentes. Será que já existiam naquela época aparelhos fixos nos dentes? (Contribuição de Adriana Cristina - Fã de Carteirinha)

OBSERVAÇÕES

A) O filme deixou de retratar a parte estratégica das metas de Alexandre, já que foi o primeiro conquistador antigo a se utilizar de um esquema inteiramente organizado para atacar seus inimigos, e não a esmo como faziam os antigos reis e generais de outros povos. Alexandre espelhou-se em Aquiles para ser o que foi, mas teve uma característica peculiar toda sua na forma de realizar os seus feitos. Pena que morreu surpreendido por algo que não conhecia: jamais havia visto um elefante em sua vida, nem imaginava existir animal desse porte. Tenho apenas duas pequenas observações a seu respeito, que acredito não ter sido mencionado no filme: tinha uma estatura baixa, e outra informação é que teria iniciado suas conquistas através de um velho Oráculo: um dia, na Frígia, um rei chamado Górdias, pai do famoso rei Midas, atou em seu carro real (uma espécie de biga), um nó dificílimo de ser desatado, e o Oráculo revelou: aquele que conseguisse desfazer o nó de Górdias, haveria de conquistar a Ásia. Durante séculos ninguém logrou conseguir fazê-lo. Um dia, Alexandre, ao entrar na cidade de Górdion, sacou da espada e cortou o nó ao meio, e foi a senha para que passasse a ser temido e considerado como grande pretendente ao trono da Ásia. De fato, em 333 a.C., a frente de um exército de 500.000 guerreiros, derrotou os exércitos de Dario III, na famosa batalha de Issos. Mais tarde, conquistou a Fenícia, a Palestina (Israel e Judá), tomou Gaza, dos filisteus, conquistou o Egito, a Bactriana, a Sogdiana e expandiu seus domínios à Índia, formando o maior Império até então existente, tendo como sede a cidade de Babilônia, onde passou a morar. E morreu aos 33 anos de idade. (Contribuição de Valcir Donato - Passo Fundo / RS - Fã de Carteirinha)

::Enviar informações deste filme::
Clique aqui para enviar erros e comentários apenas deste filme.

IMAGENS E CURIOSIDADES

Recebeu 5 indicações ao Framboesa de Ouro, nas seguintes categorias: Pior Filme, Pior Diretor, Pior Ator (Colin Farrell), Pior Atriz (Angelina Jolie), Pior Ator Coadjuvante (Val Kilmer) e Pior Roteiro.

A formação das montanhas de gelo ao fundo em que Alexandre está com uma manta vermelha, tem o formato de um rosto humano perfeito com olhos, nariz, e boca. Incrível, será que foi de propósito? (Contribuição de Elson Rubim - Timóteo / MG  - Fã de Carteirinha)