VOLTAR FILMES 25

 
   

AMERICAN PIE - O CASAMENTO
JASON BIGGS, SEANN WILLIAM SCOTT & ALYSON HANNIGAN

Ia acontecer mais cedo ou mais tarde. Os adoráveis e agitados personagens de AMERICAN PIE — A PRIMEIRA VEZ É INESQUECÍVEL e AMERICAN PIE 2 — A SEGUNDA VEZ É AINDA MELHOR agora estão planejando “fazer” na frente de todo mundo que eles conhecem. E de uma forma inesquecível… Jim e Michelle vão se casar!

Com a escola East Great Falls High, alunos estrangeiros, banda de acampamento, cola maluca e férias de verão de faculdade sendo coisa do passado, Jim, os amigos e a família de Michelle estão prontos para ajudar a levar o casal até o altar e a entrarem definitivamente na fase adulta. Michelle quer que o casamento seja perfeito e isso não é exatamente uma tarefa fácil, mesmo com todos querendo se comportar da melhor forma e se relacionar bem… o que provavelmente não vai acontecer. A irmã de Michelle, Cadence, veio para ajudá-la e também para ser a dama de honra. Quando Stifler e Finch vêem Cadence, começa a guerra para disputá-la. É aí que Stifler aciona o seu charme carismático para chamar a atenção da garota. Stifler? Charme carismático? Nervoso e muito ocupado em impressionar os futuros sogros, Jim pede para o amigo “pegar leve” e Stifler torna-se o jovem encantador que qualquer garota gostaria de ter como namorado. Finch fica sem escolha e acaba tendo que bancar o garoto mau. Cadence acaba se dividindo entre um perfeito gentleman e um perfeito bad boy.

Enquanto isso, o pai de Jim continua dispensando conselhos bem intencionados a seu filho e à futura nora, ocasionalmente dando informações por demais detalhadas e constrangedoras sobre o relacionamento com a mãe de Jim. Para dificultar ainda mais a ida dos noivos ao altar, Kevin, Jim e Finch são encarregados de encontrar o vestido de casamento perfeito para Michelle. Os rapazes também inventam uma inesperada festa de solteiro repleta de garotas “levadas” e uma policial bem sensual, há aulas de dança, uma igreja decorada de flores murchas e um enorme bolo de casamento “peludo”.

Mas não deixe de ver os erros também.

Diretor: Jesse Dylan
Escritor: Adam Herz

Gênero: Comédia

Site Oficial: http://www.uip.com.br/site/grupo.asp?cod_Grupo=63

UIP - United International Pictures

Título Original: American Pie: The Wedding
Tempo: 96 minutos
Cor: Colorido
Ano de Lançamento: 2003 - USA - Estréia Nacional dia 28 de novembro de 2003.
Recomendação: 14 anos

ELENCO

Jim Levenstein .... JASON BIGGS
Steve Stifler
.... SEANN WILLIAM SCOTT
Michelle Flaherty
.... ALYSON HANNIGAN
Paul Finch
.... EDDIE KAYE THOMAS
Kevin Myers
....  THOMAS IAN NICHOLAS
Cadence Flaherty
.... JANUARY JONES
Pai do Jim
.... EUGENE LEVY
Mãe do Jim
.... MOLLY CHEEK
Mary Flaherty
.... DEBORAH RUSH
Harold Flaherty
.... FRED WILLARD
Avó
.... ANGELA PATON

FICHA TÉCNICA

Produção .... Warren Zide
Produção .... Craig Perry
Produção .... Chris Moore
Produção .... Adam Herz
Produção .... Chris Bender
Fotografia .... Lloyd Ahern
Desenhista de Produção .... Clayton Hartley
Edição .... Stuart Pappé
Figurino .... Pamela Withers Chilton
Música .... Christophe Beck

PRODUTORAS

Universal Pictures
Zide/Perry
LivePlanet

DISTRIBUIDORA

UIP

ERROS

1. Na cena em que todos vão para o casamento, Steve consegue levar Candece para o carro dele, mas o amigo fica no carro sem a Cadence...ele estava no banco de trás com Cadence mas ela se vai... De repente ele está no banco da frente... em um passe de mágica. (Contribuição de Ana Caroline Silva - Fã de Carteirinha)

2. Quando Jim vai apresentar Michelle à sua avó, Kevin entra no quarto junto com o casal, fica ali atrás parado e sai sem falar nada, ou seja, não fez diferença nenhuma na cena. E o que o amigo estaria fazendo com o casal num momento família como aquele? (Contribuição Elizana - Fã de Carteirinha)

3. Quando Jim vai pedir Michele em casamento, ela confunde e vai de baixo do pano de mesa fazer sexo oral, e quando ele sai da mesa puxado pelo pai, seu pênis está mole sendo que naquela hora onde ele estava, era impossível permanecer naquele estado. (Contribuição de Tulio Henrique - Uberlândia / MG - Fã de Carteirinha)

4. Quando Stifler entra no quartinho para transar com Cadence, ele deveria sentir a pele da vovó, e também por que a vovó nem sabia que ele iria estar lá, quem colocou-a foi os seguranças para parar de pertubar. (Contribuição de Tulio Henrique - Uberlândia / MG - Fã de Carteirinha)

5. Quando Stifler pega as fezes do cachorro ela está em um papel listrado, e quando ele vai conversasr com a mãe de Cadence, some com num passe de mágica. (Contribuição de Tulio Henrique - Uberlândia / MG - Fã de Carteirinha)

6. No momento em que Jim vai comprar o vestido de noiva, em uma viajem de 3 hs de carro, ele está apenas com 2 amigos e logo em seguida aparece o terceiro. Será que o outro veio de avião? (Contribuição de Bárbara Borges - Salvador / BA - Fã de Carteirinha)

7. Quando Steve entra na casa e derruba o bolo em cima do Stifler, o bolo fica parcialmente destruído, mas quando o cachoro corre pra cima dele, o bolo está inteiro. (Contribuição de Fábio César - Fã de Carteirinha)

8. Na cena em que Michelle está conversando com o pai de Jim, há um espelho atrás dele, e pode-se notar que pelo espelho aparece alguém nos bastidores de azul. No espelho se vê o braço e a camisa azul da pessoa. (Contribuição de Lucas de Tarso Villas Bôas - Fã de Carteirinha)

9. Logo após o casamento, Michele está conversando com o pai de Jim sobre seus votos. Atrás deles, em uma mesa, há um espelho e você pode ver o braço de um membro da equipe refletido, por várias vezes. (Contribuição de Bruno Miquelino da Silva - Fã de Carteirinha)

10. Na primeira cena do filme, quando Jim e Michele estão no restaurante, pode-se ver Michele com seu guardanapo aberto em seu colo. Depois, quando Jim tenta fazê-la encontrar o anel, o guardanapo está de volta à mesa, dobrado da forma triangular que geralmente se dobra em um restaurante. (Contribuição de Bruno Miquelino da Silva - Fã de Carteirinha)

11. Quando Stifler está dirigindo seu carro, após ter destruído as flores, ele diz: “Fickers, it’s not my fault” (algo como “Cretinos, não foi minha culpa”.), mas é perfeitamente visível através da janela que ele não está dizendo nada. (Contribuição de Bruno Miquelino da Silva - Fã de Carteirinha)

12. Na cena final, na banheira com a mãe do Stifler, a quantidade de bolhas de sabão na cabeça do Finch muda de acordo com as cenas. (Contribuição de Bruno Miquelino da Silva - Fã de Carteirinha)

13. Quando eles estão olhando para as flores e Stifler diz: “Crisântemos”, a mãe da Michele se vira e o olha. Quando a cena muda, ela está olhando para a direção contrária. (Contribuição de Bruno Miquelino da Silva - Fã de Carteirinha)

14. Na mesma cena que eles estão olhando para as flores, a mãe da Michele pega algumas flores. Na cena seguinte, uma delas muda de cor, claramente. (Contribuição de Bruno Miquelino da Silva - Fã de Carteirinha)

15. No começo, quando Michele vai para debaixo da mesa do restaurante, Jim bate no telefone no meio da mesa. Depois, quando o pai do Jim aparece, o fone está de volta ao final da mesa, sem ninguém parecer ter tocado nele. (Contribuição de Bruno Miquelino da Silva - Fã de Carteirinha)

16. Quando eles estão na boate gay e Stifler diz, “Eu vou mostrar a vocês, seus cretinos” (“I'll show you, Fuckers”), sua boca não se move. (Contribuição de Bruno Miquelino da Silva - Fã de Carteirinha)

17. Quando o Stifler se dá conta de que Jim está se casando, ele tem creme do bolo em seu rosto. Na cena seguinte, a maior parte do creme desapareceu. (Contribuição de Bruno Miquelino da Silva - Fã de Carteirinha)

18. No começo, no restaurante, o cabelo de Michele muda constantemente durante a conversa. (Contribuição de Bruno Miquelino da Silva - Fã de Carteirinha)

19. Na boate gay, quando Stifler diz “Eu tenho estilo, eu sou culto, eu sou sofisticado”, pode-se ver Jim indo pôr sua mão direita no ombro de Stifler. Mas quando a cena corta, Jim coloca sua mão em sua própria cabeça. (Contribuição de Bruno Miquelino da Silva - Fã de Carteirinha)

20. Quando Stifler estraga as flores e sai pra comprá-las, ele está dirigindo e xingando. Ele vê uma loja de flores e pára o carro, só que a imagem que mostram é dele xingando ainda e com o carro em movimento, sendo que ele já tinha estacionado o carro. (Contribuição de Fernanda Rodrigues - Rio de Janeiro / RJ - Fã de Carteirinha)

21. No casamento, na hora das alianças, quando colocadas, Michele aparece com a aliança na mão direita, e depois em outra cena na mão esquerda. (Contribuição de Adriano Juleide - Fã de Carteirinha)

::Enviar informações deste filme::
Clique aqui para enviar erros e comentários apenas deste filme.

RESULTADO DA PROMOÇÃO

::..Promoção UIP - AMRICAN PIE O CASAMENTO..::

A UIP, e o Falha Nossa convidaram você para este casamento!
Eles mandaram um e-mail
respondendo: Quais são os 2 personagens que vão se casar?
E concorreram a prêmios exclusivos do filme. Confira os prêmios e o Resultado.

1º ao 5º lugar:
01 toalha de praia bordada com alça e 01 camiseta exclusiva do filme.

Anton P. M. Rodrigues - Recife / PE
Claudemir Rosa Maria - Rio de Janeiro / RJ
Claudia da Silva Rodrigues - Curitiba / PR
Fabíola S. Rogério - São Paulo / SP
Paula Souza Campos - Salvador / BA

6º ao 15º lugar:
01 camiseta exclusiva do filme.

Alisson R. Schultz - Porto Alegre / RS
Anna Raquel Filizolla - Rio de Janeiro / RJ
Arnaldo Elias dos Reis Junior - Sertanópolis / PR
Bruno Luiz Wist - Curitiba / PR
Flávia Ferreira Dias - Curitiba / PR
Francismara Pagnoncelli - Pato Branco / PR
Paolo B. Silva - Belo Horizonte / MG
Regina Maria Pires - Teresina / PI
Rita de Cássia Pereira - Fortaleza / CE
Rodrigo Lupateli José - Andirá / PR

A UIP e o Falha Nossa agradecem a participação de todos.

IMAGENS E CURIOSIDADES

NOTAS DA PRODUÇÃO

Ao se identificar com as aventuras dos alunos que estavam saindo da escola, o público se apaixonou pela turma da East Great Falls High de AMERICAN PIE e acompanhou seu crescimento, sua ida para a faculdade e o momento de terem que cruzar novas fronteiras. Agora, Jim, Michelle e toda turma voltam, fortemente unidos pela amizade, um pouco mais maduros e prontos para entrarem nas suas vidas de adultos. Muitos fãs de AMERICAN PIE aguardavam ansiosamente um terceiro filme da franquia — o público queria ver como estaria a vida dos personagens. Mas para Adam Herz (DIGA QUE NÃO É VERDADE, DÉBI & LÓIDE, KINGPIN — ESTES LOUCOS REIS DO BOLICHE, QUEM VAI FICAR COM MARY?, EU, EU MESMO E IRENE) — criador dos personagens da série de sucesso e o Roteirista e Produtor de AMERICAN PIE: O CASAMENTO — e sua equipe, havia certas precauções a serem tomadas para se ter a certeza de que não estavam simplesmente adiantando um novo projeto simplesmente para satisfazer o mercado. Como qualquer pessoa que acompanha o progresso de um filho querido, os cineastas se comprometeram a se envolver com a seqüência seguinte com carinho e um planejamento muito estudado. O Produtor Chris Moore (GÊNIO INDOMÁVEL, PLANOS QUASE PERFEITOS, JOGO DURO, PERSEGUIÇÃO, POP & ME, GLORY DAZE) observa: “Tínhamos muito orgulho do que conseguimos fazer com AMERICAN PIE e AMERICAN PIE 2, e não queríamos ter nada em comum com aqueles caras que fazem seqüências contínuas de um filme só para ganharem dinheiro. Foi quando entrou Adam Herz disse a todos: ‘Imagino como esses personagens ficariam engraçados num casamento’. E isso deu início a tudo”. O Produtor Craig Perry (TIRO E QUEDA, REPLIKATE, O ÚLTIMO DESTINO, O ÚLTIMO DESTINO 2, COMO CÃES E GATOS) lembra: “No set de AMERICAN PIE 2, houve um momento em que vi Adam e Chris conversando e eu disse: ‘Por favor, não me digam que têm uma idéia para outra dessas coisas’. E quando Adam mencionou a idéia de um casamento, junto com uma festa de solteiro e tudo mais, achei que seria excelente”. O Roteirista e Produtor Adam Herz acrescenta: “Esta trilogia é sobre os rituais de passagem das vidas desses personagens. O primeiro foi sobre perder a virgindade. O segundo sobre aquela estranha transição para o início da fase adulta. E o terceiro, um casamento, naturalmente — o que mais poderia ser?”. O Produtor Chris Bender (O CHAMADO, O ÚLTIMO DESTINO, COMO CÃES E GATOS) explica: “Todo mundo pode se identificar com os ‘personagens PIE’. Ou melhor, todo mundo tem um amigo igual ao Stifler ou ao Finch e todos temos um pouco de Jim dentro de nós. Podemos nos identificar com os eventos da primeira transa ou de se casar. Todos passarão por isso em algum momento de suas vidas e, nessas ocasiões, sempre irá acontecer algo constrangedor”. O Produtor Chris Moore afirma: “Acho que este filme é o mais engraçado da trilogia. Ele lembra muito o primeiro, onde havia muito humor e muita emoção”.
Retornando aos papéis que criaram estão Jason Biggs (O OTÁRIO, AMOR OU AMIZADE), como Jim, Alyson Hannigan (MINHA NOIVA É UMA EXTRA-TERRESTRE), como Michelle, Thomas Ian Nicholas (SONHO DE CAMPEÃO, UM GAROTO NA CORTE DO REI ARTHUR, UM GAROTO NO PALÁCIO DO ALADDIN), no papel de Kevin, Seann William Scott (CAINDO NA ESTRADA, CARA, CADÊ MEU CARRO?, JAY E SILENT BOB, O ÚLTIMO DESTINO, BULLETPROOF MONK), que interpreta Steve Stifler, Eddie Kaye Thomas (FORA DE CASA!, PRETO E BRANCO, A MALDIÇÃO DE CARRIE, DINHEIRO PRA CACHORRO), como Finch, Molly Cheek (SINAIS DE FUMAÇA, ATEPMONSTER, THE PURPLE PEOPLE EATER), que faz a mãe do Jim, e Eugene Levy (DÉBI & LÓIDE, QUASE HERÓIS, O PAI DA NOIVA 2, EU, MINHA MULHER E MINHAS CÓPIAS, ERA UMA VEZ UM CRIME, A CASA CAIU), como o pai do Jim. A família de Michelle agora entra em cena com January Jones (VIDA BANDIDA, FULL FRONTAL, ANGER MANAGEMENT), como sua irmã, Cadence, Fred Willard (ROXANNE, O CASAMENTO DOS MEUS SONHOS, BEST IN SHOW, WAITING FOR GUFFMAN, A MIGHTY WIND) e Deborah Rush (A ROSA PÚRPURA DO CAIRO, MENSAGEM PARA VOCÊ, SERÁ QUE ELE É?, ZELIG, POR UM SENTIDO NA VIDA, UM CASO A TRÊS, POSIÇÕES COMPROMETEDORAS), como Harold e Mary, seus pais, para ajudar nos preparativos de núpcias, ao lado de outros atores em aparições cômicas — tanto em papéis recorrentes como novos. Eugene Levy, de volta ao papel do pai careta, atesta: “Acho que este roteiro é o mais forte dos três. A comédia corre solta e ele está mais perto do primeiro AMERICAN PIE porque tem muita emoção. Ninguém teve medo de que saísse um pouco sentimental. Eu achei isso muito bom”. O Roteirista e Produtor Adam Herz admite: “Quando ouço as pessoas dizendo que este é o mais forte dos três, fico realmente orgulhoso. AMERICAN PIE foi o primeiro roteiro que escrevi e espero ter crescido como roteirista e ter me tornado melhor. Quero que as pessoas acreditem que estes personagens são reais e que continuem a curti-los”.
Quando se trata de uma “torta” ou um bolo de casamento, o importante é ter a “receita” certa, e os cineastas de AMERICAN PIE: O CASAMENTO precisavam de um chef capaz de combinar com perfeição todos os ingredientes na tela. A escolha acertada para essa terceira história foi a do Diretor Jesse Dylan (HOW HIGH). “Acho que Jesse teve o trabalho mais difícil de todos os envolvidos neste filme. Ele chegou e permitiu aos atores uma certa liberdade criativa enquanto os guiava na direção certa. Fez um trabalho excelente!”, elogia o ator Jason Biggs. Jesse Dylan considerou a herança dos dois primeiros filmes vital e necessária aos personagens de AMERICAN PIE: O CASAMENTO, mas explica: “A abordagem que dei é de um filme diferente da série e não de algo com um número no título. Ele é bem independente — uma comédia engraçada e romântica sobre casamento, que apresenta personagens familiares, mas em novos formatos”. AMERICAN PIE: O CASAMENTO encontra os dois personagens centrais do filme apaixonados e querendo se casar. Eles precisam que os amigos e a família os ajudem a realizar um casamento perfeito. Adam Herz descreve: “Um casamento traz à tona todo tipo de confusão. Tudo está sob muita pressão e as expectativas são muito grandes. E quando as coisas começam a sair errado, como sempre acontece em qualquer grande comemoração, isso é simplesmente ouro para uma comédia”. O ator Sean William Scott acrescenta: “O incrível neste filme é que há muita emoção envolvida. Acompanhamos Jim e Michelle desde o primeiro filme e é legal ver Jim crescer e realmente querer dar a Michelle o casamento dos seus sonhos”. O problema é que os amigos do Jim acham que ele é louco. Eles querem continuar solteiros para poderem sair, beber e conhecer garotas. Mas, mesmo assim, decidem ajudá-lo com o casamento. Adam Herz e os outros cineastas alteraram a fórmula, mas fizeram questão de manter AMERICAN PIE: O CASAMENTO bem perto das suas raízes. “A nossa intenção principal era que as pessoas rissem para valer e, depois, dissessem: ‘O filme também foi emocionante’. E aí, rissem mais ainda!”, resume o produtor e roteirista.

Fonte: UIP