VOLTAR BLOCO 43

 

 

 
 

O CASAMENTO DE ROMEU E JULIETA
LUANA PIOVANI & MARCO RICCA

Alfredo Baragatti (Luís Gustavo) é um advogado descendente de italianos, que é palmeirense roxo e membro do Conselho Deliberativo do clube.

Alfredo criou sua Julieta (Luana Piovani) para ser como ele, mais uma apaixonada pelo Palmeiras.

Batizada em homenagem aos ídolos palmeirense, "Juli" de Julinho e "eta" de Echevarietta, ela é jogadora do time feminino do Palmeiras, jogando como centroavante.

Julieta se apaixona por Romeu (Marco Ricca), um médico oftalmologista de 45 anos que é corinthiano roxo.

Em nome do amor Romeu aceita se passar por palmeirense, chegando a se filiar como sócio do clube e ir aos jogos para torcer pelo rival.

Tais atitudes geram desconfiança em sua família, principalmente em seu filho Zilinho (Leonardo Miggiorin) e na avó Nenzica (Berta Zemmel), ambos corinthianos fanáticos.

Mas não deixe de ver os erros também.

Diretor: Bruno Barreto
Escritores: Jandira Martini, Marcos Caruso & Bruno Barreto

Baseado no conto de Mário Prata

Gênero: Comédia

Buena Vista International

Título Original: O Casamento de Romeu e Julieta
Tempo: 93 minutos
Cor: Colorido
Ano de Lançamento: 2005 - Brasil
Recomendação: 10 anos

ELENCO

Luana Piovani .... Julieta
Luís Gustavo .... Alfredo Baragatti
Marco Ricca .... Romeu
Martha Mellinger .... Isabella
Mel Lisboa .... Joana
Leonardo Miggiorin .... Zilinho
Berta Zemmel .... Nenzica
Renato Consorte .... Imparato
Cybele Jácome .... Vilma
Rafael Golombek .... Presidente do Palmeiras
Zé Vasconcelos .... Padre
Marina Person .... Repórter

FICHA TÉCNICA

Produção .... Paula Barreto
Fotografia .... Adriano Goldman
Desenho de Produção .... Wellington Pingo
Direção de Arte .... Cássio Amarante
Figurino .... Caia Guimarães
Edição .... Ricardo Mehedff

PRODUTORAS

LC Barreto
Filmes do Equador
Miravista
Mega Color
BMG
Geração Conteúdo
Estúdios Mega

DISTRIBUIDORA

Buena Vista International

ERROS

1. No começo do filme vemos uma cena de Julieta driblando a adversária e fazendo um gol. Isto no jogo de futebol de salão no clube do Palmeiras. Logo depois ela faz outra jogada que termina em outro gol, porém a cena dela driblando é a mesma da anterior, só filmada de outro ângulo.

2. Quando Romeu desce do carro para levar as flores na casa da sua namorada, ele não fecha o carro com a chave, e o larga no meio da rua.

3. No jantar quando o pai de Julieta pergunta quem fez o gol, existe um corte da cena que focaliza a mesa inteira para a tomada das costas de Alfredo Baragatti, e nesta cena a garrafa de vinho mudou de posição.

4. Durante o jogo em que Romeu está no estádio vestindo a camisa do Palmeiras, nós vemos a cena dos gols, e nitidamente a jogada é ensaiada para o filme, pois o goleiro do Corinthians inclusive pula para o lado errado da direção da bola.

5. Quando a avó Nenzica vê Romeu com a camisa do Palmeiras, ela grita que ele entrou em delírio e fecha a porta do carro. Neste momento é possível ver o bomm no reflexo do espelho, que aparece no vidro do carro.

6. Quando o vidro do carro está sendo abaixado, mais uma vez é possível ver os membros da equipe e seus equipamentos.

7. Quando Romeu desmaia a segunda vez no hospital, Julieta fica perguntando onde está o botão que se aperta para chamar a enfermeira, só que sua boca não se move em concordância com o que ela fala.

8. Romeu teve milhões de oportunidades de contar que era Corinthiano, mas fazer aquilo dentro do avião é simplesmente inaceitável. Ela jamais conseguiria sair vivo de lá, nem mesmo se escondendo na cabine do piloto.

9. Quando Alfredo Baragatti chega em casa e está gritando, o relógio grande da sala está marcando um horário, e o relógio pequeno está marcando outra completamente diferente.

10. Se observarmos com a tenção, o relógio grande da sala sempre aparece marcando o mesmo horário, 9:30h.

11. Logo no início do filme, quando Julieta assiste ao jogo Corinthians x Palmeiras e vê o Romeu pelo Binóculo, a torcida do Corinthians está no Pacaembu, e a torcida do Palmeiras está no Parque Antártica. (Contribuição de Mauricio Jose Chiavatta São Paulo / SP - Fã de Carteirinha)

12. Logo no começo do filme, quando mostra a torcida do Corinthians, esta está cantando o grito: "ô ô ô, todo poderoso timão!". Este filme se passa em 1999, ano em que o Palmeiras disputou o título mundial em Tóquio (Jogo também mostrado no filme), porém, o grito que a torcida cantava no começo do filme só foi inventado em 2000, na final do Mundial da Fifa no Maracanã. (Contribuição de Antonio Eduardo Kronitzky de Melo - SP - Fã de Carteirinha)

::Enviar informações deste filme::
Clique aqui para enviar erros e comentários apenas deste filme.

IMAGENS E CURIOSIDADES

Recebeu uma indicação ao Prêmio ACIE de Cinema de Melhor Ator (Luís Gustavo). Em 2003, Taumaturgo Ferreira interpretaria o personagem Romeu.