VOLTAR BLOCO EXCLUSIVO 2

 

 
 

DIRIGINDO NO ESCURO
WOODY ALLEN & TEA LEONI

Woody Allen escreve, dirige e atua nesta comédia romântica contemporânea, ao lado de George Hamilton, Téa Leoni, Debra Messing, Mark Rydell, Tiffani Thiessen e Treat Williams.

Allen faz o papel de Val Waxman, diretor de cinema fracassado e neurótico, ganhador de dois Oscar, que precisa desesperadamente de uma chance para voltar à posição anterior. Quando a oportunidade aparece, Waxman se vê em uma encruzilhada: trabalhar com a sua ex-esposa Ellie (Téa Leoni), que o abandonou por um chefe de estúdio (Treat Williams), que é quem bancará o filme, ou perderá a sua última chance, evitando, assim, um doloroso reencontro.

Val está cego de amor quando opta pelo reencontro? O amor é cego quando se trata do apoio real de Ellie? Literal e figurativamente, a resposta está no filme.

Mas não deixe de ver os erros também.

Diretor: Woody Allen
Escritor: Woody Allen

Gênero: Comédia / Romance

Europa Filmes

Título Original: Hollywood Ending
Tempo: 112 minutos
Cor: Colorido
Ano de Lançamento: 2002 - EUA - Estréia Nacional dia 8 de agosto de 2003.
Recomendação: 14 anos

ELENCO

Téa Leoni .... Ellie
Bob Dorian .... Executivo da Galaxie
Ivan Martin .... Executivo da Galaxie
Gregg Edelman .... Executivo da Galaxie
George Hamilton .... Ed
Treat Williams .... Hal Jaeger
Woody Allen .... Val Waxman
Debra Messing .... Lori Fox
Neal Huff .... Commercial A.D.
Mark Rydell .... Al Hack
Douglas McGrath .... Barbeque Guest
Stephanie Roth .... Barbeque Guest
Bill Gerber .... Barbeque Guest
Roxanne Perry .... Barbeque Guest
Barbara Carroll .... Carlyle Pianista

WOODY ALLEN (Diretor / Escritor / Ator)
LETTY ARONSON (produtora)
HELEN ROBIN (Co-produtora)
STEPHEN TENENBAUM (Produtor Executivo)
WEDIGO VON SCHULTZENDORFF (Diretor de Fotografia)
SANTO LOQUASTO (Direção Artística)
MELISSA TOTH (Figurinista)
ALISA LEPSELTER (Montagem)
JULIET TAYLOR (Diretora de Elenco)
LAURA ROSENTHAL (Diretora de Elenco)

PRODUTORAS

DreamWorks SKG
Gravier Productions
Perdido Productions

DISTRIBUIDORAS

A-Film Distribution
Bac Films
DreamWorks Distribution LLC
Hollywood Classic Entertainment
Medusa Distribuzione

ERROS

1. As cenas onde Woody Allen perde sua visão, mas não perde sua audição estão meio estranhas durante o filme, principalmente quando as pessoas conversam com ele.  Por exemplo, em uma das cenas ele não está vendo, mas está escutando, porém quando a pessoa muda de lugar ele não percebe isto, o que está errado.Erros do FalhaNossa.com

2. Nas cenas do Canadá podemos perceber nitidamente que o sotaque francês está mais para um parisiense do que para um canadense. Principalmente quando Waxman está .Erros do FalhaNossa.com

::Enviar informações deste filme::
Clique aqui para enviar erros e comentários apenas deste filme.

PROMOÇÃO ENCERRADA

A Europa Filmes, e o Falha Nossa convidaram vocês para este filme.
Eles mandaram um e-mail respondendo: Você faria este filme? Porque?
E concorreram a prêmios exclusivos do filme. Confira os prêmios e o Resultado.

1º ao 10º lugar:
Um par de ingressos para assistir o filme.

Antonio Francelino de Oliveira - São Paulo / SP
Cesar Augusto Moraes - Recife / PE
Fátima Regina Pereira - Rio de Janeiro / RJ
Herminia Maria Olmos Hernandez - Campinas / SP
Janaina Dall Oliva de Souza - Santa Maria / RS
Paulino da Silva - Curitiba / PR
Renato Velozo - Araucária / PR
Suzana Ribeiro - Colombo / PR
Valmor Ferreira Terres - Salvador / BA
Viviane Rezende - São Paulo / SP

A Europa Filmes e o Falha Nossa agradecem a participação de todos.

Europa Filmes

IMAGENS E CURIOSIDADES

NOTAS DA PRODUÇÃO

Hollywood Ending é produzido por Letty Aronson e co-produzido por Helen Robin. Stephen Tenenbaum é o produtor executivo e Jack Rollins e Charles H. Joffe os co-produtores executivos.

O filme reúne uma das mais criativas equipes de produção de Allen que já colaborou com o diretor em filmes como O Escorpião de Jade (The Curse of the Jade Scorpion) e Trapaceiros (Small Time Crooks), destacando o produtor artístico, Santo Loquasto, a montadora Alisa Lepselter e as diretoras de elenco Juliet Taylor e Laura Rosenthal. Trabalham, pela primeira vez, com Allen o diretor de fotografia Wedigo von Schultzendorffe a figurinista Melissa Toth.

A vida imita a arte de várias maneiras na última comédia romântica de Woody Allen, Hollywood Ending. O filme dentro do filme é a única chance para o diretor fracassado Val Waxman recuperar parte de sua carreira em franco declínio. Seu dilema? A oportunidade de ouro será patrocinada pela líder de torcida mais improvável: sua ex-mulher.

É a chance, também, do rejeitado Val de reacender qualquer resquício de paixão que possa existir entre ele e Ellie. Seu problema? Hal, o chefe do estúdio que tem nas mãos a chave do cofre para viabilizar a volta de Val, é amante e chefe de Ellie, o homem por quem ela trocou Val.

Allen diz: “Val é um diretor de cinema muitíssimo temperamental e neurótico; um hipocondríaco talentoso, mas um tanto over em suas exigências. Ninguém quer trabalhar com ele. Quando finalmente tem a chance de retornar e recuperar seu passado de glória, percebe que a única pessoa que quer trabalhar com ele é sua ex-mulher. Porém há muitas questões não resolvidas entre eles. É a sua chance de voltar, mas a que preço?”

No final, Val, por amar demais a sua arte e sentir falta da notoriedade, está disposto a agarrar a chance dada pelos demônios que ele bem conhece. Allan crê que qualquer diretor sério faria este sacrifício se estivesse em situação semelhante.

A mesma regra se aplica a um produtor determinado que objetiva ver o seu projeto se realizar sob a direção do homem ideal. Nesse caso, o produtor é Ellie, ex-mulher de Val, e o diabo da vida dela é o próprio Val. Agora, ela só precisa convencer seu atual amante, o chefe do estúdio, que seu ex-marido é o homem certo para o trabalho.