VOLTAR BLOCO 19

 

 
 

MASSACRE NO BAIRRO JAPONÊS
DOLPH LUNDGREN & BRANDON LEE

Pancadaria com o filho do mestre

Brandon Lee era filho do mestre das artes marciais Bruce Lee.

Assim como seu pai, morreu jovem. Ele nasceu em 1965 e faleceu em 1993 durante uma rajada de balas disparadas nas filmagens de "O Corvo".

Antes, havia estrelado este seu segundo filme (no total fez quatro longas para o cinema). Era um ator promissor no quesito pancadaria. Estava em início de carreira, daí algumas imperfeições dramáticas.

Boas lutas coreografadas até superam a mesmice deste enredo: dois tiras, um americano criado no Japão (Dolph Lundgren) e um filho de imigrantes japoneses (Brandon Lee), são convocados para exterminar a Yakuza - a máfia japonesa - em Los Angeles.

Mas não deixe de ver os erros também.

Diretor: Mark L. Lester
Escritores: Caliope Brattlestreet & Stephen Glantz

Gênero: Ação / Dram / Comédia / Crime

Warner Bros

Título Original: Showdown in Little Tokyo
Tempo: 78 minutos
Cor: Colorido
Ano de Lançamento: 1991 / USA
Recomendação: 14 anos

ELENCO

Dolph Lundgren .... Detetive Kenner
Brandon Lee .... Johnny Murata
Cary-Hiroyuki Tagawa .... Yoshida
Tia Carrere .... Minako
Toshirô Obata .... Sato
Philip Tan .... Tanaka
Rodney Kageyama .... Eddie
Ernie Lively .... Detetive Nelson
Renee Griffin .... Angel
Reid Asato .... Muto
Takayo Fischer .... Mama Yamaguchi
Simon Rhee .... Ito
Vernee Watson-Johnson .... Nonnie Russell - Legista
Lenny Imamura .... Kickboxer 1
Roger Yuan .... Kickboxer 2

FICHA TÉCNICA

Produção .... Martin E. Caan
Produção .... Mark L. Lester
Música .... David Michael Frank
Fotografia .... Mark Irwin
Edição .... Michael Eliot
Edição .... Robert A. Ferretti
Edição .... Steven Kemper
Elenco .... Michelle Guillermin
Elenco .... Cathy Henderson
Desenho de Produção .... Craig Stearns
Direção de Arte .... Bill Rea
Cenário .... Ellen Totleben
Figurino .... Robyn Smith
Efeitos Especiais .... Graphix in Motion

PRODUTORAS

Original Pictures
Warner Bros.

DISTRIBUIDORAS

Warner Bros.
Warner Home Video

ERROS

1. Em uma cena onde um sujeito está pegando o carro dele esmagado, há uma outra cena onde você pode perceber que existe um boneco no lugar do ator. É muito visível. Erros do site www.falhanossa.com

2. Quando o Det. Kenner entra na casa onde Minako está se preparando para se matar, ele agarra um dos bandidos por trás e quebra o pescoço do sujeito que coloca seus braços para para baixo como se estivesse morto, mas quando Det. Kenner o coloca no chão, o bandido agarra o seu braço de novo. (Contribuição de Diego da Rocha Oliveira e Daniele - Petrópolis / RJ - Fãs de Carteirinha)

3. Numa das seqüências finais do filme, o personagem de Dolf Lundgreen salta por cima de um carro em movimento, mas é nítida a presença de uma catapulta lançando-o, além do fato de não passar por cima do carro em movimento, mas sim por trás. (Contribuição de Arthur Fierro - Fã de Carteirinha) --> Conforme Felipe Norris este erro não existe.

4. Na cena em que Dolph Lundgren está se banhando fora da casa, e Tia Carrere se junta a ele, quando ela fica de costas para tirar o roupão, pode-se ver claramente que a dublê de corpo é completamente diferente de Tia Carrere, a começar pelo cabelo, pois o da duble é crespo, ao invés de liso como a da Tia Carrere!  (Contribuição de Luciano Novaes Rousseau - Cataguases / MG - Fã de Carteirinha)

5. No final, quando Dolph Lungreen leva um tiro no peito, Brandon Lee fala que o tiro atravessou, logo depois vemos que as costas de Dolph Lungreen está sem um arranhão! Outra coisa, pela posição do tiro em cima do coração, ele deveria ter morrido! (Contribuição de Luciano Novaes Rousseau - Cataguases / MG - Fã de Carteirinha)

6. Quando eles roubam o caminhão da Red Dragon e invadem o almoxarifado, de perto Dolph Lundgren está com a porta do caminhão aberta, e está do lado de fora atirando, mas quando corta e mostra o caminhão de frente, vemos a porta aberta, mas não o vemos! (Contribuição de Luciano Novaes Rousseau - Cataguases / MG - Fã de Carteirinha) --> Conforme Felipe Norris este erro não existe.

7. As balas das armas do filme parecem que são infinitas. Raras são as vezes em que os pentes são trocados. Podemos ver isto acontecer na parte em Dolph (Dett. Kenner) vai salvar Minako (Tia Carrere), ele dá mais ou menos uns 18 tiros com sua Desert Eagle sendo que o barulho dos tiros é igual a de uma arma calibre 44 (balas de Magnun), ou seja: no máximo 8 balas cal. 44 cabem na arma israelense (Desert Eagle), e também no final quando ele vai salvar a Minako das Garras do vilão, eles (Dolph e Brandon) portam rifles de assalto AR-15 ou metralhadoras M-16 (no casso depende das balas a serem utilizadas). Nós percebemos novamente que o barulho é de uma arma que porta balas de calibre 45 (balas de Fuzil), e no máximo cabem em media 35 balas. É nítido também que eles dão mais de um 60 disparos. Além das armas terem pentes únicos. (Contribuição de Felipe Norris - Fã de Carteirinha)

8. Quando Dolph Lundgren vai naquela Sauna, depois que ele briga com o sumô e perde, esquece sua Desert Eagle. Eles saem da Sauna e o Dolph aparece com sua arma lá fora. (Contribuição de Felipe Norris - Fã de Carteirinha)

::Enviar informações deste filme::
Clique aqui para enviar erros e comentários apenas deste filme.

IMAGENS E CURIOSIDADES

Sugestão deste filme: Allan - Capão da Canoa / RS - Fã de Carteirinha