Olá amigos e Fãs de Carteirinha

Desde agosto de 2006 estamos contando com a colaboração da Jornalista Viviane França que trará toda semana uma notícia direto da redação para você. Assim como a coluna Direto dos EUA com nosso correspondente André Ribeiro, toda semana uma notícia quentinha do que anda rolando nos bastidores do cinema.

Ver também Notícias Antigas 2002 | 2003 | 2004 | 2005 | 2006
JAN|FEV|MAR|ABR|MAI|JUN|JUL|AGO|SET

CLIQUE AQUI PARA CONFERIR OUTRAS NOTÍCIAS DIRETO DOS EUA

OUTUBRO 2007

 
(30/10/07) - Crítica - TRANSFORMERS

Sucesso dos anos 80, TRANSFORMERS chega amanhã nas locadoras. Sinopse: Para aqueles que ainda não conhecem a história, TRANSFORMERS foi uma série de desenho animado que virou febre nos anos 80. Crianças do mundo inteiro compravam brinquedos dos personagens e liam gibis. Com capacidade para vários disfarces, como por exemplo, se transformarem em um navio, jato ou em um helicóptero, eles são conhecidos como os Autobots (Operários), que liderados por Optimus Prime, lutam há eras contra os malignos Decepticons (militares), liderados por Megatron. Com cenas de ação à moda de Bay, entenda-se - repletas de adrenalina, explosões e uma trilha sonora barulhenta – Transformers conta à história de Sam Witwicky (Shia LaBeouf), um jovem que possui um valioso objeto que, em mãos erradas, pode exterminar a humanidade. Por isso, para defendê-lo dos malignos Decepticons, liderados por Megatron, um Autobot, conhecido como "Bumblebee" é designado para protegê-lo. Disfarçado como um Chevrolet Camaro clássico, ele lutará contra os Deceptions ao lado de seus outros de sua raça, liderados por Optimus Prime. Mas o sucesso da história não está apenas nos efeitos especiais e nos robôs, mas também no ótimo roteiro de Alex Kurtzman & Roberto Orci, que mesclaram aventura com toques de romance, comédia e ação. Romance, aliás, que não atrapalha em nada, já que ele segue e equilibra o frenético ritmo da trama. Nos momentos, digamos, de “descanso”, a história continua a fluir com o mesmo ritmo. Isso se deve, principalmente, ao time de atores – como os veteranos John Turturro e Jon Voight, – que contribuem para que Bay crie cenas divertidíssimas, como as com Kevin Dunn e Julie White, que no filme são os pais de Shia LaBeouf. Quanto às aceleradas tomadas do duelo entre as inimigas raças de robôs, o combate também não deixa a desejar. Em Transformers, as imensas máquinas são mostradas com clareza. Conseguimos vê-los lutarem, se transformarem em carros/robôs, saltarem...sentir sua grande e imponente presença na tela e torcer por eles! Um detalhe que talvez seja o segredo de tanto sucesso nas telas do cinema mundial. O DVD que chega nas locadoras no dia 31 de outubro, com áudios e legendas em Português e Inglês, traz Comentários do Diretor, além de trailers. TRANSFORMERS (TRANSFORMERS) - DIREÇÃO: Michael Bay - ELENCO: Shia LaBeouf, Megan Fox, John Turturro, Jon Voight, Kevin Dunn, Julie White, Josh Duhamel – PRODUTORES EXECUTIVOS: Steven Spielberg, Brian Goldner, Mark Vahradian - MINUTAGEM: 143 min. – PAÍS/ANO DE PRODUÇÃO: EUA/2007 – PARAMOUNT PICTURES.

Por Viviane França (Fale com ela)

 
(25/10/07) - Crítica - Tá Dando Onda

Novo longa-animado de Ash Brannon e Chris Buck traz o clima alto-astral de um campeonato de surf, onde os participantes são uma galera bem diferente. Em formato de reality show, Tá Dando Onda (Surf's Up, EUA/2007 – 85 min/Columbia Pictures) traz como figura principal um promissor surfista de 17 anos que vive em Frio de Janeiro, na Antártica. Órfão de pai, ele é pouco compreendido pelos moradores que o consideram um folgado. Fã do Surf, Cadú está sempre dentro d´água em cima de uma prancha. Seu sonho: participar de um campeonato e ganhar o respeito e a admiração de todos. Seguido de perto por uma equipe de filmagem, Cadú Maverick (Shia LaBeouf - Transformers) consegue concretizar seu sonho ao ser selecionado para participar do 10º Campeonato de Surf Big Z, na ilha Pen-Gu. Será neste torneio que ele conhecerá o de “bem com a vida” Grego (Jeff Bridges - O Suspeito da rua Arlington), um surfista veterano que ensinará a Cadú não apenas a arte do surf, mas de que nem sempre o campeão é aquele que chega em 1º lugar nas competições. Mas o que há de diferente em um enredo tão comum? O fato de o protagonista Cadú ser um pingüim-de-penacho-amarelo que tem como melhores amigos João Frango (Jon Heder - Escorregando para a glória), um surfista do Pantanal do Mato Grosso “gente boa” e Lani Aliikai (Zooey Deschanel - O assassinato de Jesse James pelo covarde Robert Ford), uma atraente, alegre e inteligente pinguim gentoo que trabalha como salva-vidas. Mas apesar de trazer personagens que agradarão as crianças, como os três pequenos e fofos pingüins - Arnaldo (Reed Buck, filho do diretor Chris Buck), que adora fingir estar se afogando, apenas para ser salvo por Lani; Kátia (Reese Elowe), filhote-fêmea precoce e Borrão (Jack P. Ranjo), o quietinho irmão caçula de Kátia, que observa tudo e a todos ao seu redor - e uma simpática e neurótica ave marinha chamada Mikey Abromovitz (Mario Cantone), Tá Dando Onda possui um roteiro um pouco adulto, mas que nem por isso deixa de cativar e de divertir. O cenário com clima tropical...areia branca, mar de água cristalina, brisa fresca e sol sempre brilhante...é embalado por uma deliciosa trilha sonora. Tudo descontraído e alto-astral como a galera do surf.

Por Viviane França (Fale com ela)

 
(25/10/07) - Bob Esponja Aniversário da Baleia

Novas aventuras de Bob Esponja Calça Quadrada chega em DVD pela Paramount. O simpático e ingênuo Bob Esponja Calça Quadrada foi criado em 1999 por Stephen Hillenburg. Desde então, a série que conta a história da pequena esponja quadrada que vive no fundo do Oceano Pacífico, já está na quarta temporada e virou febre entre o público infantil e juvenil. Seu sucesso é tão grande que ele deve ganhar as telas do cinema em breve. A série que já está entre as mais assistidas do canal de TV Nickelodeon conta a história de Bob Esponja, um cozinheiro da lanchonete Siri Cascudo, especialista em fazer o prato preferido de todos: o hambúrguer de Siri. Morando em um abacaxi, Bob ao lado de seu melhor amigo Patrick, uma estrela-do-mar rosa, que mora embaixo de uma pedra, se mete em várias aventuras e confusões. E no mundo da Fenda do Bíkini, aventuras muito malucas acontecem com seus estranhos moradores cheios de personalidade. Há Lula Molusco, o mau-humorado e ranzinza colega de trabalho e vizinho de Bob Esponja que adora tocar clarineta; Pérola, uma baleia patricinha filha única do Sr. Siriguejo, o dono da lanchonete que apesar de pão duro possui um grande coração; Gary, o esperto animal de estimação de Bob Esponja; Plankton, o dono do restaurante Balde de Lixo que quer roubar a fórmula secreta do hambúrguer de Siri; Sandy Bochecha, a inteligente esquilo que vive no fundo do mar dentro de uma cúpula de vidro, dentre outros. Neste novo lançamento da Paramount Pictures, o DVD BOB ESPONJA ANIVERSÁRIO DA BALEIA (SpongeBob Whale of a Birthday, 2007 – 86 minutos) chega com sete episódios: Nem Tudo que Reluz..., Aniversário da Baleia, A Mordida Contagiosa, Olá Chimpanzés, Férias Desastrosas, Peruca da Moda e Não é uma Dama. Todos os episódios chegam com áudios em Português, Inglês e Espanhol. Quanto ao preço da animação, o DVD já está nas lojas no valor de R$ 29,90. Para quem ficou curioso e quer conhecer um pouco mais sobre o desenho, a Paramount possui o site – www.parakids.com.br - onde se pode encontrar os outros 18 títulos da série lançados pela empresa. Dentre eles, a primeira, segunda e terceira temporadas completas.

Por Viviane França (Fale com ela)

 
(25/10/07) - Invasores

Um mundo sem emoções onde a única arma para se manter vivo é ficar acordado. O Clássico romance de Jack Finney “The Body Snatchers” foi publicado pela primeira vez em 1955. Desde então ganhou várias adaptações para o cinema. Em 1956 pelas mãos do diretor Don Siegel e em 1978 filmado pelo cineasta Philip Kaufman, com Donald Sutherland, Brooke Adams, Jeff Goldblum e Leonard Nimoy no elenco. A mais nova refilmagem Invasores (The Invasion – EUA/2007, 104min/Warner Bros.) chega nesta sexta-feira, dia 19, nos cinemas do país. Dirigido por Oliver Hirschbiegel, Invasores traz Nicole Kidman no papel da psiquiatra Carol Bennell e Daniel Craig interpretando seu amigo Dr. Ben Driscoll. Dois atores que estarão contracenando juntos na aguardada adaptação do primeiro volume da trilogia Fronteiras do Universo, “A Bússola Dourada”. Quando uma nave espacial sofre um acidente, fatos estranhos passam a ocorrer. Da noite para o dia, o mundo torna-se silencioso e organizado. Pessoas passam a caminhar pelas caóticas ruas sem expressarem qualquer emoção. Da janela de seu consultório a Dra. Bennell ainda não estabelece nenhuma ligação entre os acontecimentos. Mas quando uma paciente relata o estranho comportamento do marido, Carol começa a questionar-se e divide suas dúvidas como seu amigo, o conceituado Dr. Driscoll. Juntos, descobrem que um fungo extraterrestre está infectando e tornando homens e mulheres seus hospedeiros. A única forma de combatê-los é se manter acordado. Algo que Carol terá que fazer para encontrar seu filho. Centrando toda a trama na personagem de Nicole, o diretor conta à história sob o ponto de vista de sua personagem. Será através da Dra. Carol que enxergaremos todos os acontecimentos. É assustador vê-la caminhando ao lado dos Invasores sem poder expressar qualquer emoção ou ver a expressão de horror estampado em sua face quando presencia uma pessoa saltando para morte do alto de um prédio, sem que nada possa ser feito. Como no filme Os Outros do diretor espanhol Alejandro Amenábar, Nicole “carrega” todo o filme e através de seu olhar e sua expressão corporal, transmite toda sua angústia e impotência diante de algo que não consegue compreender e evitar. Assim como sua personagem Grace Stewart do filme de Amenábar, a Dra. Carol Bennell também é uma mãe desesperada que não mede esforços para proteger seu filho. Sem naves ou presença alienígena, Invasores discute, nas entrelinhas, os problemas políticos e sociais dos dias atuais. A horripilante atmosfera criada pelo diretor é desconfortável e asfixiante. Seus invasores são pessoas comuns de aparência saudável e tranqüila, que observam cada passo e reação do próximo. Desprovidos de qualquer sentimento são inteligentes, manipuladores e impiedosos. E a única forma de não se tornar um deles é manter-se acordado e alerta, confiando em nossos instintos e questionando tudo o que nos é dito. Não aceitando a ilusória promessa de que a privação de emoções é o melhor caminho para a criação de um mundo perfeito e com paz. Um ótimo filme.

Por Viviane França (Fale com ela)

 

(20/10/07) - VAIAS PARA O DESTINO, MORRE O ATOR PAULO AUTRAN

Morre o ator Paulo Autran, aos 85 anos no dia
12/10/2007. O ator Paulo Autran morreu às 16h10 desta sexta, aos 85 anos, em São Paulo, onde estava internado desde quinta-feira no Hospital Sírio Libanês. Paulo Autran sofria de câncer de pulmão e enfisema pulmonar há cerca de um ano e já havia sido internado recentemente em diversas ocasiões, a última ocorrida no sábado passado (6), com alta recebida na terça-feira (9). Segundo sua mulher, Karin Rodrigues, ele pediu que fosse divulgado que o cigarro causou sua morte. Há poucos meses, o ator passou mal durante apresentação do espetáculo "O Avarento", sua 90ª peça, e foi internado com suspeitas de problemas cardíacos. Paulo Autran nasceu no Rio de Janeiro em 1922 e mudou-se ainda jovem para São Paulo, onde formou-se em direito na Faculdade do Largo São Francisco, em 1945. Nessa época, participou de peças amadoras, o início de uma das mais expressivas carreiras de artes cênicas do Brasil. A estréia como ator ocorreu em 1949, no TBC (Teatro Brasileiro de Comédia, em São Paulo), na peça "Um Deus Dormiu Lá em Casa", em que contracenou com a atriz Tonia Carrero, uma de suas melhores amigas. Desde então, Autran participou de mais 89 peças, entre elas "Otelo", "Antígona", "My Fair Lady" e "Visitando o Sr. Green". A última peça encenada pelo ator foi "O Avarento", texto de Molière escrito em 1668, em cartaz em São Paulo. Autran também atuou no cinema e na televisão. Entre seus papéis nas telas, destacam-se sua interpretação do político Porfírio Diaz no filme "Terra em Transe" (1967), marco do cinema nacional, dirigido por Glauber Rocha, e a participação em "Destino em Apuros" (1953), primeiro filme colorido produzido no Brasil. Na televisão, Autran participou de novelas como "Pai Herói" (1979), "Sassaricando" (1987) e "Guerra dos Sexos" (1983), além de minisséries, como "Hilda Furacão" (1998).

Direto da Redação

 
(16/10/07) - Dora A Aventureira – As Aventuras do Mapa

Em Dora A Aventureira as crianças aprendem brincando palavras da língua inglesa , enquanto acompanham as aventuras de Dora e seus amiguinhos Botas, Mapa e Mochila Backpack. Acompanhando as aventuras da pequena e fofa Dora e de seus amigos, a criança interage com as histórias de cenários vivos e coloridos. Incentivada a repetir palavras, a procurar por objetos, escolher cores, cantar, contar e até a conhecer animais, a criança é levada para um mundo de sonho e fantasia. Neste novo lançamento da Paramount Pictures, o DVD DORA A AVENTUREIRA – AS AVENTURAS DO MAPA (Dora the Explorer - Map Adventures, 2007 – 93 minutos) chega com cinco episódios, sendo dois extras. Em O Mapa Perdido, Dora precisa salvar o Mapa que, confundido com um graveto, é levado para uma alta montanha por uma grande ave. Já em O Supermapa, Mapa veste uma capa mágica e se torna um super herói. Três Porquinhos conta à procura de Dora pelos três porquinhos que fugiram da fazenda. O último e um dos mais bonitinhos para as crianças Achados e Perdidos conta a história de uma pequena passarinha azul que está perdida e fala apenas Espanhol. Todos os episódios chegam com áudios em Português e Inglês. Quanto ao preço da animação, o DVD já está nas lojas no valor de R$ 29,90. Para quem ficou curioso e quer conhecer um pouco mais sobre o desenho, a Paramount possui o site – www.parakids.com.br - onde se pode encontrar outros títulos infantis lançados pela empresa, assistir a trailers, participar de promoções, conhecer os lançamentos que estão chegando nas lojas e divertir-se com vários jogos brincadeiras, papéis de parede e protetores de telas.

Por Viviane França (Fale com ela)

 
(16/10/07) - HERENCIA (HERENCIA)

Onde quer que você esteja, sempre é tempo de recomeçar. Nas locadoras no dia 7 de novembro. Neste premiado filme Argentino – Festival Internacional de Viña del Mar, Internacional Miami Latin Film Festival, Festivale Internazionale della donna de Turín - dirigido pela cineasta Paula Hernández, dois imigrantes descobrem um novo sentido para suas vidas, quando o destino os conduz a um restaurante em Buenos Aires. Lugar onde eles redescobrirão a esperança, a paz e a solidariedade. A história tem início quando Olinda (Rita Cortese), uma italiana que chegou na cidade após a II Guerra Mundial, em busca de um amor perdido, conhece Peter (Adrián Witzke), um jovem alemão que viaja o mundo em busca de uma paixão adolescente. Deste encontro ocasional, surge um relacionamento que transformará suas vidas, ajudando Peter a encontrar o seu caminho e Olinda a redescobrir o prazer de viver. DIREÇÃO: Paula Hernández - ELENCO: Rita Cortese, Adrián Witzke, Martín Adjemián, Julieta Díaz, Héctor Anglada - PAÍS/ANO DE PRODUÇÃO: Argentina/2001 - GÊNERO: Drama - MINUTAGEM: 90 minutos - CLASSIFICAÇÃO: 16 anos - ÁUDIO: Espanhol - LEGENDA: Português.

LANÇAMENTOS DE NOVEMBRO - (Nas Locadoras no dia 07): INCONTROLÁVEL - Nesta divertida comédia protagonizada por Michael Youn, considerado pelos críticos, como o novo Jim Carrey do cinema francês, as coisas mais inesperadas começam a ocorrer. Imagine, que um certo dia, seu corpo decide não obdecê-lo mais. E pior, ele decide colocá-lo nas situações mais humilhantes, gastando seu tempo com piadas tolas e sem graça. Este estranho fenômeno é exatamente o que começa a acontecer com o pobre George. Com o seu corpo fora do controle e não o obedecendo mais, ele se vê envolvido em inimagináveis enrascadas. INCONTROLÁVEL (INCONTROLABLE) - DIREÇÃO: Raffy Shart - ELENCO: Michael Youn, Cyrielle Clair, Thierry Lhermitte, Hippolyte Girardot, Hélène Fougerolles, Patrick Timsit, Jackie Nercessian - PAÍS/ANO DE PRODUÇÃO: França/2006 - GÊNERO: Comédia - MINUTAGEM: 88 minutos. NOITES DE AGONIA - Após o fim de uma longa relação, John Hare (Stuart Laing) resolve mudar-se para uma velha e tranqüila casa, localizada em um lugar afastado, que ele considera perfeito para recomeçar sua vida. Mas as coisas não saem como o planejado. John começa a ouvir perturbadores barulhos...e eles não fazem parte dos seus pesadelos que o acompanham todas as noites... aquilo parece ser real. Mesmo avisado pela estranha vizinha para que deixe o local, ele resolve ficar. Mas com os pesadelos tornando-se cada vez mais assustadores, John sente ser dominado por uma força e descobre, tarde demais, não estar sozinho naquela vazia e sombria casa. NOITES DE AGONIA (LIE STILL) - DIREÇÃO: Sean Hogan - ELENCO: Stuart Laing, Robert Blythe, Susan Engel, Granville Saxton, Nina Sosanya - PAÍS/ANO DE PRODUÇÃO: Inglaterra/2005 - GÊNERO: Suspense - MINUTAGEM: 90 minutos.

LANÇAMENTOS DE DEZEMBRO - (Nas Locadoras no dia 12): DISTRITO SEM LEI - Max Havoc (Mickey Hardt) é um fotografo esportivo, contratado para fotografar Suzy Blaine (Christina Cox), uma tenista que comemora seu retorno ao mundo das quadras. Mas durante seu trabalho, Havoc tem sua câmera roubada pelo garoto Emile (Samuel Patrick Chu), uma criança que mora no orfanato administrado pela irmã Caroline (Rae Dawn Chong). Localizado em uma área controlada pelo perigoso gangster Roger Tarso (Dean Cain), dono do principal hotel da cidade, o orfanato guarda muitas histórias. Uma delas tem relação com a morte do irmão de Emile a mando de Tarso. Disposto a intervir e lutar por justiça, Max decide investigar e desvendar este obscuro crime. DISTRITO SEM LEI (MAX HAVOC – RING OF FIRE) - DIREÇÃO: Terry Ingram - ELENCO: Mickey Hardt, Christina Cox, Dean Cain, Rae Dawn Chong, Samuel Patrick Chu - PAÍS/ANO DE PRODUÇÃO: EUA/2006 - GÊNERO: Ação - MINUTAGEM: 99 minutos. A VÍTIMA - Quando Ting (Pitchanart Sakakorn), uma atriz de filmes B, participa da reconstituição de um crime, sua atuação impressiona a todos: jornalistas e policiais. Mas o que eles não sabem é que nem Ting consegue compreender o que está acontecendo... as estranhas sensações são aterrorizantes. Sentimentos que ela volta a sentir quando é chamada para interpretar Meen (Apasiri Nitibhon), uma ex-miss brutalmente assassinada. Decidida a desvendar o mistério, Ting inicia uma investigação por conta própria, sem saber que quanto mais perto ela se aproxima dos suspeitos, mais sua vida corre perigo. A VÍTIMA (SPIRIT OF THE VICTIM) - DIREÇÃO: Monthon Arayangkoon - ELENCO: Pitchanart Sakakorn, Apasiri Nitibhon, Penpak Sirikul, Chokchai Charoensuk - PAÍS/ANO DE PRODUÇÃO: Tailândia/2006 - GÊNERO: Suspense Sobrenatural - MINUTAGEM: 108 minutos. A MONTANHA DA ÁGUIA - Setembro de 1960. Um grupo de oito jovens é enviado para uma excursão. Uma escalada em uma montanha de 8202 pés de altura. Mas eles não carregam apenas o peso de suas mochilas nas costas, mas também suas angústias, despreocupações e diferenças. Quando a inexperiente Patrulha se desvia da trilha, o medo e a insegurança tomam conta dos meninos. A montanha, antes bela, passa a revelar sua face mais oculta, colocando em extremo perigo os membros da Patrulha da Águia. Culpando Patrick (Jonathan Demurger) por estarem perdidos, Eric (Pierre Derenne) discute com o amigo e resolver seguir seu próprio caminho. Mas um pequeno erro pela acidentada e tortuosa trilha ocasiona um acidente e Eric desaparece no meio da mata. Em busca de ajuda, Patrick e Jean-Pierre (Damien Jouillerot) decidem se separar do grupo, deixando-os sozinhos em uma velha e abandonada casa. A MONTANHA DA ÁGUIA (RED NEEDLES – INGLÊS/ LES AIGUILLES ROUGES) - DIRECTOR : Jean-François Davy - ACTORS : Jules Sitruk, Jonathan Demurger, Damien Jouillerot, Pierre Derenne, Raphaël Fuchs, Jules-Angelo Bigarnet, César Domboy, Clément Chébli, Rufus, Patrick Bouchitey, Richard Berry, Bernadette Lafont, Bernard Haller, Cécile Gabriel - PAÍS/ANO DE PRODUÇÃO: França/2006 - GÊNERO: Aventura - MINUTAGEM: 93 minutos.

Por Viviane França (Fale com ela)

 
(16/10/07) - STARDUST – O MISTÉRIO DA ESTRELA

Um clássico conto de fadas que estréia dia 12, nos cinemas. Escrito pelo visionário e criativo autor Neil Gaiman, Stardust é um clássico conto de fadas moderno. Neste mundo de fantasia há bruxas más e desesperadas, em busca da fórmula da eterna juventude; fadas, elfos; piratas voadores, reis, príncipes traidores e muitos outros seres místicos. Adaptados para as telas do cinema, o filme brilha ao conseguir transpor todo o clima de magia da obra para uma linguagem visual de duas horas. Assim, como no livro, o diretor, produtor e roteirista Matthew Vaughn proporciona uma viagem para um mundo cheio de perigos, mistérios e aventuras. Em Stardust – O Mistério da Estrela (Stardust - EUA/2007, 128min. Paramount Pictures) , Tristan Thorne (Charlie Cox) é um jovem apaixonado pela bela Victoria Forester (Sienna Miller). Para ganhar o coração da amada, ele promete presenteá-la com uma estrela cadente. Mas para cumprir a promessa, Tristan precisa, primeiro, atravessar um muro. Vigiado dia e noite, o muro cerca a pequena vila inglesa chamada Muralha, onde diz o povo, há um misterioso universo de magia e lendas do outro lado. Para surpresa de Tristan, a pequena estrela cadente não é um simples meteoro, mas uma jovem ferida e cobiçada por muitos. Mas o ótimo ritmo de Stardust não se deve apenas ao roteiro. O grupo de atores escolhidos para viverem os mágicos personagens também foram responsável pelo delicioso ritmo da história. Há os veteranos Robert De Niro, divertidíssimo no papel do Capitão Shakespeare que comanda e captura raios com seu navio voador; Michelle Pfeiffer, a bela e má feiticeira Lamia, que deseja o coração da indefesa estrela; Claire Danes como a sonhadora estrela Yvaine; Peter O´Toole como o impiedoso rei à procura do melhor herdeiro para o trono e Rupert Everett, como Secundus, o ambicioso filho do Rei que não mediará esforços para assumir o trono. Para viver o protagonista, o cineasta preferiu escalar o novato Charlie Cox. Uma ótima escolha. Mesmo sem muita experiência, Cox criou um personagem encantador. Corajoso, ele atuou ao lado de todos os personagens do filme. Lutou espada com Robert De Niro e duelou bravamente com Michelle Pfeiffer. Podemos dizer que as melhores passagens foram criadas por estes dois veteranos. Michelle está ótima como a bela e maligna Lamia, recriando uma nova vilã e De Niro, bem, é melhor não falar muito sobre o seu Capitão, para não perder a graça. Uma dica: fique atento às cenas dos príncipes, agora fantasma. Elas são hilárias! Para os cinéfilos que não se contentarem com as duas horas do filme, as editoras Conrad do Brasil (em Português) e Harper USA (em Inglês) lançaram a obra em que o filme foi baseado. Publicado originalmente na década de 90, o livro foi parar nas listas de best-sellers. Devido ao seu grande sucesso nos Estados Unidos, ganhou inúmeras versões, com os mais variados acabamentos gráficos.

Por Viviane França (Fale com ela)

 
(11/10/07) - HERENCIA (HERENCIA)

Onde quer que você esteja, sempre é tempo de recomeçar. Nas locadoras no dia 7 de novembro. Neste premiado filme Argentino – Festival Internacional de Viña del Mar, Internacional Miami Latin Film Festival, Festivale Internazionale della donna de Turín - dirigido pela cineasta Paula Hernández, dois imigrantes descobrem um novo sentido para suas vidas, quando o destino os conduz a um restaurante em Buenos Aires. Lugar onde eles redescobrirão a esperança, a paz e a solidariedade. A história tem início quando Olinda (Rita Cortese), uma italiana que chegou na cidade após a II Guerra Mundial, em busca de um amor perdido, conhece Peter (Adrián Witzke), um jovem alemão que viaja o mundo em busca de uma paixão adolescente. Deste encontro ocasional, surge um relacionamento que transformará suas vidas, ajudando Peter a encontrar o seu caminho e Olinda a redescobrir o prazer de viver. DIREÇÃO: Paula Hernández - ELENCO: Rita Cortese, Adrián Witzke, Martín Adjemián, Julieta Díaz, Héctor Anglada - PAÍS/ANO DE PRODUÇÃO: Argentina/2001 - GÊNERO: Drama - MINUTAGEM: 90 minutos - CLASSIFICAÇÃO: 16 anos - ÁUDIO: Espanhol - LEGENDA: Português.

LANÇAMENTOS DE NOVEMBRO - (Nas Locadoras no dia 07): INCONTROLÁVEL - Nesta divertida comédia protagonizada por Michael Youn, considerado pelos críticos, como o novo Jim Carrey do cinema francês, as coisas mais inesperadas começam a ocorrer. Imagine, que um certo dia, seu corpo decide não obdecê-lo mais. E pior, ele decide colocá-lo nas situações mais humilhantes, gastando seu tempo com piadas tolas e sem graça. Este estranho fenômeno é exatamente o que começa a acontecer com o pobre George. Com o seu corpo fora do controle e não o obedecendo mais, ele se vê envolvido em inimagináveis enrascadas. INCONTROLÁVEL (INCONTROLABLE) - DIREÇÃO: Raffy Shart - ELENCO: Michael Youn, Cyrielle Clair, Thierry Lhermitte, Hippolyte Girardot, Hélène Fougerolles, Patrick Timsit, Jackie Nercessian - PAÍS/ANO DE PRODUÇÃO: França/2006 - GÊNERO: Comédia - MINUTAGEM: 88 minutos. NOITES DE AGONIA - Após o fim de uma longa relação, John Hare (Stuart Laing) resolve mudar-se para uma velha e tranqüila casa, localizada em um lugar afastado, que ele considera perfeito para recomeçar sua vida. Mas as coisas não saem como o planejado. John começa a ouvir perturbadores barulhos...e eles não fazem parte dos seus pesadelos que o acompanham todas as noites... aquilo parece ser real. Mesmo avisado pela estranha vizinha para que deixe o local, ele resolve ficar. Mas com os pesadelos tornando-se cada vez mais assustadores, John sente ser dominado por uma força e descobre, tarde demais, não estar sozinho naquela vazia e sombria casa. NOITES DE AGONIA (LIE STILL) - DIREÇÃO: Sean Hogan - ELENCO: Stuart Laing, Robert Blythe, Susan Engel, Granville Saxton, Nina Sosanya - PAÍS/ANO DE PRODUÇÃO: Inglaterra/2005 - GÊNERO: Suspense - MINUTAGEM: 90 minutos.

LANÇAMENTOS DE DEZEMBRO - (Nas Locadoras no dia 12): DISTRITO SEM LEI - Max Havoc (Mickey Hardt) é um fotografo esportivo, contratado para fotografar Suzy Blaine (Christina Cox), uma tenista que comemora seu retorno ao mundo das quadras. Mas durante seu trabalho, Havoc tem sua câmera roubada pelo garoto Emile (Samuel Patrick Chu), uma criança que mora no orfanato administrado pela irmã Caroline (Rae Dawn Chong). Localizado em uma área controlada pelo perigoso gangster Roger Tarso (Dean Cain), dono do principal hotel da cidade, o orfanato guarda muitas histórias. Uma delas tem relação com a morte do irmão de Emile a mando de Tarso. Disposto a intervir e lutar por justiça, Max decide investigar e desvendar este obscuro crime. DISTRITO SEM LEI (MAX HAVOC – RING OF FIRE) - DIREÇÃO: Terry Ingram - ELENCO: Mickey Hardt, Christina Cox, Dean Cain, Rae Dawn Chong, Samuel Patrick Chu - PAÍS/ANO DE PRODUÇÃO: EUA/2006 - GÊNERO: Ação - MINUTAGEM: 99 minutos. A VÍTIMA - Quando Ting (Pitchanart Sakakorn), uma atriz de filmes B, participa da reconstituição de um crime, sua atuação impressiona a todos: jornalistas e policiais. Mas o que eles não sabem é que nem Ting consegue compreender o que está acontecendo... as estranhas sensações são aterrorizantes. Sentimentos que ela volta a sentir quando é chamada para interpretar Meen (Apasiri Nitibhon), uma ex-miss brutalmente assassinada. Decidida a desvendar o mistério, Ting inicia uma investigação por conta própria, sem saber que quanto mais perto ela se aproxima dos suspeitos, mais sua vida corre perigo. A VÍTIMA (SPIRIT OF THE VICTIM) - DIREÇÃO: Monthon Arayangkoon - ELENCO: Pitchanart Sakakorn, Apasiri Nitibhon, Penpak Sirikul, Chokchai Charoensuk - PAÍS/ANO DE PRODUÇÃO: Tailândia/2006 - GÊNERO: Suspense Sobrenatural - MINUTAGEM: 108 minutos. A MONTANHA DA ÁGUIA - Setembro de 1960. Um grupo de oito jovens é enviado para uma excursão. Uma escalada em uma montanha de 8202 pés de altura. Mas eles não carregam apenas o peso de suas mochilas nas costas, mas também suas angústias, despreocupações e diferenças. Quando a inexperiente Patrulha se desvia da trilha, o medo e a insegurança tomam conta dos meninos. A montanha, antes bela, passa a revelar sua face mais oculta, colocando em extremo perigo os membros da Patrulha da Águia. Culpando Patrick (Jonathan Demurger) por estarem perdidos, Eric (Pierre Derenne) discute com o amigo e resolver seguir seu próprio caminho. Mas um pequeno erro pela acidentada e tortuosa trilha ocasiona um acidente e Eric desaparece no meio da mata. Em busca de ajuda, Patrick e Jean-Pierre (Damien Jouillerot) decidem se separar do grupo, deixando-os sozinhos em uma velha e abandonada casa. A MONTANHA DA ÁGUIA (RED NEEDLES – INGLÊS/ LES AIGUILLES ROUGES) - DIRECTOR : Jean-François Davy - ACTORS : Jules Sitruk, Jonathan Demurger, Damien Jouillerot, Pierre Derenne, Raphaël Fuchs, Jules-Angelo Bigarnet, César Domboy, Clément Chébli, Rufus, Patrick Bouchitey, Richard Berry, Bernadette Lafont, Bernard Haller, Cécile Gabriel - PAÍS/ANO DE PRODUÇÃO: França/2006 - GÊNERO: Aventura - MINUTAGEM: 93 minutos.

Por Viviane França (Fale com ela)

 
(08/10/2007) - FESTIVAL TERÁ SESSÃO ESPECIAL PARA CRIANÇAS COM DEFICIÊNCIA AUDITIVA

Sessão infantil - As crianças não ficaram de fora da programação do 2º Festival do Paraná de Cinema Brasileiro e Latino. No domingo (7) elas puderam conferir o filme Brichos, de Paulo Munhoz, e nesta segunda (8), houve uma sessão especial para 150 crianças com deficiência auditiva. A sugestão de uma sessão extra do filme, foi da professora da Escola de Educação Especial Centrau, Renata Voltolini, que quis presentear as crianças com a ida ao cinema, por conta da semana da criança. A animação paranaense conta a história de três filhotes - um jaguar, um quati e um tamanduá -, habitantes da Vila dos Brichos, que se unem para vencer um campeonato internacional de videogame. A idéia é, de forma lúdica, revelar a importância dos meios audiovisuais na condução e transformação da sociedade. O filme também apresenta à criançada diversas espécies da fauna brasileira como o joão-de-barro, o jacaré, a anta, o tatu e a sucuri. Programação - A programação de terça-feira do Festival conta com a participação do documentarista Evaldo Mocarzel, que dará uma oficina baseada em experimentações e conceitos do documentarismo, a partir das 9h. Outro destaque do dia são os filmes que integram a Mostra de Cinema Oriental, O Canto de Sanaá e Musical Gazz, ambos do diretor francês Pascal Privet - importante diretor francês, responsável pelo Rancontre de Cinema Manosque - que estará disponível para um debate, após o filme. Os curtas em competição exibidos nesta terça serão Fúria (RJ), Beijo de Sal (RJ) e Yansan (SP). O longa apresentado - um documentário do diretor Evaldo Mocarzel, será Jardim Ângela, e trata do bairro paulistano Jardim Ângela, que durante muitos anos, liderou o ranking das regiões mais violentas da Grande São Paulo. Para os interessados em conhecer melhor cada uma das obras exibidas, haverá na quarta-feira (10), às 11h, uma mesa de discussão aberta para o público e a imprensa, com a presença dos diretores dos filmes - Mauro Pizzo, Marcelo Laffitte, Carlos Eduardo Nogueira e Evaldo Mocarzel, respectivamente. Serviço - Programação: 9 de outubro (terça-feira) 9h às 12h - Oficina: Documentarismo - com Evaldo Mocarzel (inscrições encerradas) 14h ­ Mostra Joaquim Pedro de Andrade - filme: O Homem do Pau Brasil (RJ) 15h - Mostra Portas Abertas DVD - filmes: Caminhos da Escola do Paraná (RJ) e O País é Este (RJ) 16h Mostra de Cinema do Oriente - filmes: O canto de Sanaá (FRA) e Musical Gazz (FRA) 19h Curtas em Competição - filmes: Fúria (RJ), Beijo de Sal (RJ) e Yansan (SP) 20h Longa em Competição - filme: Jardim Ângela (BRA) 10 de outubro (quarta-feira) 11h Mesa de Discussão com os diretores dos filmes em competição (Fúria, Beijo de Sal, Yansan e Jardim Ângela). Toda a programação tem entrada franca e acontece no Auditório Poty Lazarotto, do Museu Oscar Niemeyer (R: Marechal Hermes, 999), com exceção da Mostra Portas Abertas DVD, que acontece no Salão de Eventos do MON.

Direto da redação

 
(08/10/07) - Crítica - Resident Evil 3

Resident Evil 3 traz de volta Milla Jovovich, em sua solitária luta contra um mortal vírus. Dirigido para os fãs que curtem filmes com muita adrenalina, Resident Evil 3: A Extinção (Resident Evil: Extinction, EUA/2007 – Ação) é uma história baseada em um popular game. Sob a direção do cineasta Russell Mulcahy (Highlander) traz tudo o que se espera de um longa de ação: zumbis cambaleantes à procura de carne humana, paisagens áridas de uma Terra futurista, um vilão mutante, uma heroína imbatível e muito sangue. Com um ritmo frenético e um cenário sombrio a série conta à história de um vírus experimental criado pela Umbrella Corporation, chamado T-Vírus. Liberado no mundo, ele transformou a raça humana em zumbis. Os poucos sobreviventes que restaram vagam pelas vazias e áridas regiões do planeta ou vivem em instalações subterrâneas. Nesta terceira parte, Alice (Milla Jovovich), uma sobrevivente que ganhou força e sentidos sobre-humanos após ter sido capturada e submetida a testes biogenéticos pelo Dr. Isaacs (Iain Glen), da Umbrella Corp, vaga pelo deserto na “cola” de um comboio. Um grupo de mais ou menos 30 sobreviventes, adultos e crianças, que estão sempre em movimento pelas regiões do planeta à procura de comida, água e combustível, tentando se manterem vivos e longe dos zumbis. Liderados por Claire Redfield (Ali Larter da série de TV HEROES), eles nem desconfiam que estão sendo protegidos por Alice, que prefere se manter à distância, pois teme ser usada como espiã pela Umbrella. Há ótimas cenas e seqüências de ação nesta terceira parte da série. Uma delas, a mais violenta, mostra a criação de várias Alices pelo Dr. Isaacs. Usadas como cobaias, elas têm suas habilidades testadas, mas sempre falham e terminam sendo mortas. Sem mais utilidades são levadas à superfície e deixadas em uma vala aberta, onde outros clones também foram descartados. Nesta seqüência podemos ver um grande e assustador número de zumbis, agarrados a cerca que protege a área, como urubus à espera de carniça, sedentos por carne humana. Uma cena arrepiante. Outro ponto alto do filme é o cenário de uma Las Vegas abandonada, coberta pela areia do deserto. Lugar para onde Alice e o grupo de sobreviventes partem em busca de combustível. Eles pretendem abastecer os veículos para viajarem ao Alasca. Lugar onde acreditam não ter sido contaminado pelo vírus. O vazio e a aridez da desolada região é um belo cenário que lembra a futurista Terra da série Mad Max de George Miller. Local onde serão travadas cenas de ação com muita adrenalina. Para os fãs do gênero, uma boa sessão de cinema.

Por Viviane França (Fale com ela)

 
(08/10/07) - Dumbo

Conte um Conto é a nova coleção da Disney que já está no mercado, trazendo alguns dos maiores clássicos do estúdio, como Cinderela, Peter Pan e Dumbo. Com uma embalagem diferenciada e colecionável, uma latinha com um pequeno livro ilustrado e um DVD do longa-animado, com capa inédita, o novo produto da Disney é imperdível para os apaixonados pelos clássicos do estúdio. Em Dumbo, o pequeno elefantinho com enormes orelhas, a criançada poderá ler e assistir a uma bela e sensível história, além de se divertir com um grande material de extras. Há dois curtas animados - O Elefante Elmer e o Rato Voador – que ao lado de Dumbo transmitem a mensagem da animação: o que faz você diferente é o que faz você ser especial; três Vídeos Musicais e uma extensa Galeria de Arte que traz várias curiosidades como conceito, criação dos personagens e da história, além de fotos dos membros da equipe de criação. Mas os pequeninos irão se divertir com a Grande Descoberta de Dumbo. Um teatrinho onde as crianças poderão interagir, lendo ou apenas escutando a história do elefantinho. Com o controle remoto, elas poderão avançar o conto ou escutar alguns animais falarem sobre si mesmos como o gorila que diz ter os braços maiores do que as pernas para se balançar de galho em galho. Completa os extras, um Making Of com depoimentos e opiniões sobre a animação. Todos os extras chegam com áudios e legendas em Português, Inglês e Espanhol. Quanto ao preço, ele chega a R$ 54,90. Para quem ficou curioso e quer conhecer um pouco mais sobre os outros dois títulos da Disney - Peter Pan e Cinderela – acesse o site www.disney.com.br. No final do ano, segundo a Assessoria de Imprensa da empresa, estarão chegando ao mercado as animações Monstros S.A, Toy Story e Procurando Nemo, da Pixar.

Por Viviane França (Fale com ela)

 
(03/10/07) - Crítica - Shrek Terceiro

Com lançamento programado para sexta-feira, dia 5 de outubro, a animação da DreamWorks Animation traz o teimoso ogro em uma nova aventura. Ao lado de novos e já conhecidos personagens como o rebelde príncipe Arthur Pendragon, o atrapalhado e meio-biruta Mago Merlin, as modernas e feministas princesas Branca de Neve, Bela Adormecida, Cinderela e Rapuzel e o bonitão e mal intencionado Príncipe Encantado, Shrek, Fiona, Burro e Gato de Botas voltam em uma divertida aventura. Nesta nova história o vilão, inconformado com a perda do trono para Shrek, trama uma vingança. Ao lado dos desprezados e malvados personagens de contos de fadas, ele articula um plano para conquistar o trono do reino Tão Tão Distante, agora governado pelo casal de Ogros. Aproveitando a data do Dia das Crianças, a empresa programou o lançamento do DVD Shrek Terceiro (Shrek The Third – EUA/2007 – 92 min.) para o dia 5 de outubro, sendo o Brasil o primeiro país do mundo a lançar o filme nas lojas e locadoras. Com divertidos e educativos bônus, o DVD traz um disco recheado de extras. Há três Cenas Inéditas que são apresentadas pelos desenhistas. Dentre elas, O Falso Graal, Almoço Quente e Cyrano De Artie. Outras ótimas curiosidades são a Tecnologia utilizada para elaborar o longa, apresentadas pelo Diretor e Co-diretor; Jukebox das Animações do Estúdio, um extra direcionado especialmente para os fãs de música, além do Making Of. Mas vale a pena também reservar alguns minutos para assistir outras ótimas curiosidades, como a do Guia do Shrek, onde o Burro, o Gato de Botas, o Pinóquio e o Homem-Biscoito dão dicas a Fiona e Shrek de como serem bons pais. Em Como ser Verde, Shrek e Burro ensinam o que devemos fazer para cuidar do meio ambiente em nosso dia-a-dia, desde economizar água durante o banho a utilizar a energia com sabedoria. Outros bons momentos são Pergunte ao Merlin em A Bola de Cristal, conheça os colegas de classe de Artie em O Livro do Ano de Worcestershire e Aprenda passos de dança com Burro. Para a criançada a DreamWorks desenvolveu um DVD-ROM com vários jogos e atividades, como o da Aventura em alto-mar do Capitão Shrek, Sonhos do Biscoito e os jogos Coisas do Shrek, Torneio Real e Para Imprimir. Todos os extras chegam com áudios e legendas em Português e Inglês. Quanto ao preço da animação, o DVD chegará nas lojas no valor de R$ 44,90. Promoção: Para o lançamento, a DreamWorks elaborou uma divertida promoção cultural no site, onde 30 crianças ganharão câmeras digitais, impressoras de fotos e DVDs. Para maiores informações acesse o site www.parakids.com.br.

Por Viviane França (Fale com ela)

 
(03/10/07) - Crítica - A Família do Futuro

Com um DVD recheado de extras, A Família do Futuro chegou nas lojas e locadoras do país. Baseado no livro de William Joyce, “A Day with Wilbur Robinson”, a Família do Futuro é o longa animado da Disney que trouxe a tecnologia 3D para o cinema. Com lançamento programado para esta semana, a nova animação da Disney conta a história do pequeno e inteligente órfão chamado Lewis, que em suas horas vagas constrói estranhas geringonças e aparatos. A narrativa, bem ao estilo Disney, traz malvados vilões, divertidos coadjuvantes e um herói de bom coração. Há a simpática e unida família Robinsons, cujo lema “Siga em frente”, diante de qualquer dificuldade, ajuda nosso garoto a salvar o mundo e a combater o Cara do Chapéu de Coco (um vilão que em alguns momentos rouba a cena!), que segundo Wilbur Robinson (responsável pela ida de Lewis ao futuro), tem o plano de dominar o mundo. Para o DVD a Disney programou um disco recheado de extras, com divertidos e educativos bônus para a criançada. Há três cenas inéditas, com comentários do diretor Steve Anderson. Dentre elas, a Redenção do Cara do Chapéu de Coco. Uma ótima seqüência do simpático vilão que até recebeu a voz do diretor no longa. Para os fãs de música, há dois vídeos musicais com os cantores Rob Thomas e Jonas Brothers, além dos Comentários de áudio e do Making Of. Vale a pena reservar alguns minutos para assistir as curiosidades dos bastidores. Há uma entrevista com o alegre autor do livro, onde descobrimos que os excêntricos personagens de sua obra foram baseados nas personalidades de seus familiares e um pequeno filme com a apresentação de várias invenções criadas ao longo dos séculos: a roda, o pão fatiado, o telefone, o telescópio, dentre outros. Em Siga em frente: Invenções que Mudaram o Mundo conhecemos seus inventores e suas criações. Para a criançada a Disney desenvolveu vários jogos e atividades, como o da Família 5000: Jogo da Árvore da Família, onde a criança precisa conhecer bem o perfil de cada personagem para responder as várias perguntas feitas pelo jogo. Todos os extras chegam com áudios e legendas em Português, Inglês e Espanhol. Quanto ao preço da animação, o DVD chegará nas lojas no valor de R$ 44,90. Para quem ficou curioso e quer conhecer um pouco mais sobre o desenho, a Disney elaborou um site – www.disney.com.br/DVD/familia/ - onde se pode encontrar o trailer e divertir-se com vários jogos – aprendendo a dançar com o dinossauro, entregando pizzas com o Tio Art, criando novas obras de arte com o Primo Laszlo, recebendo dicas de moda de Tallulah - , brincadeiras, papéis de parede e protetores de telas. Promoção Ganhe, Ganhe, Ganhe: Assim como a “Mogli – O Menino Lobo”, “Ratatouille” e “High School Musical 2”, A Família do Futuro faz parte dos 119 títulos Disney que estão participando da promoção Ganhe, Ganhe, Ganhe. Para concorrer aos 38 prêmios que serão sorteados nos dias 28 de outubro e 11 de novembro, o comprador do DVD deverá cadastrar o código, que virá no folheto do produto, no site ou se preferir, telefonar para 0800-7275240 e responder a pergunta Quem dá prêmios Disney para toda a família? Cada DVD vale um cupom. Para maiores informações acesse o site www.disney.com.br/ganhe.

Por Viviane França (Fale com ela)

 

(02/10/07) - VAIAS PARA O DESTINO, MORRE O ATOR CASTRO GONZAGA

Morre o Ator Castro Gonzaga aos 89 anos de idade nesta terça-feira (2), na região serrana do Rio, de falência múltipla dos órgãos. Gonzaga estava há 1 mês internado no Hospital Santa Teresa, em Petrópolis, informou Roberto Gonzaga, filho do ator. Segundo ele, Castro estava muito debilitado, com problemas renais e nos pulmões. O sepultamento acontece amanhã, às 11h, no cemitério São João Baptista, no bairro de Botafogo (zona sul do Rio). Pai do também ator Reinaldo Gonzaga, Castro ficou muito conhecido pelo público brasileiro em atuação na novela "Saramandaia", no qual foi o personagem Zico Rosado, que soltava formigas pelo nariz. Dentre outras participações, ele representou o coronel Amâncio Leal, na novela Gabriela, exibida pela TV Globo nos anos 70, e recentemente esteve em "O Profeta", como o Dr. Klaus Becker, também pela emissora carioca.

Direto da Redação