VOLTAR BLOCO 36

 
   

REDENTOR
PEDRO CARDOSO & MIGUEL FALABELLA

Na década de 70, no Rio de Janeiro, o bairro da Barra da Tijuca era uma espécie de terra prometida da cidade. Uma das várias construções no local era o Condomínio Paraíso, um luxuoso edifício que seria construído pela empreiteira do Dr. Sabóia (José Wilker). Célio, ainda criança, fica impressionado com a maquete do empreendimento, mostrada por seu amigo Otávio, filho do Dr. Sabóia. Com a empolgação do filho, seus pais decidem por comprar um apartamento no Condomínio Paraíso, o de número 808. Entretanto, apesar de terem pago todas as prestações durante anos, a família de Célio jamais chegou a ocupar o novo apartamento. Isto porque o Dr. Sabóia, após vender os mesmos apartamentos várias vezes, decretou falência e deixou a obra incompleta.

Quinze anos depois, os operários que trabalharam na construção do edifício e que criaram uma favela ao seu lado, decidem por tomar posse dos apartamentos e organizam uma invasão pacífica. Com o escândalo imobiliário vindo a público, Dr. Sabóia se suicidou e deixou os negócios a cargo de Otávio (Miguel Falabella). Célio (Pedro Cardoso), trabalhando como repórter, é designado a cobrir o caso e, com isso, é obrigado a reencontrar Otávio.

Obcecado com o apartamento, Célio aceita a proposta de Otávio de ser seu laranja, em troca de US$ 5 milhões. A situação foge ao controle e o tiro sai pela culatra, fazendo com que Célio se arrependa do negócio feito com Otávio. Desesperado e em busca de Deus, Célio termina por encontrá-lo. É quando ele recebe uma missão que será também sua salvação: convencer Otávio a doar toda sua fortuna aos pobres.

Mas não deixe de ver os erros também.

Diretor: Cláudio Torres
Escritores: Elena Soárez, Fernanda Torres & Cláudio Torres

Gênero: Drama

Site Oficial: www.redentor-ofilme.com.br

Warner Bros.

Título Original: Redentor
Tempo: 95 minutos
Cor: Colorido
Ano de Lançamento: 2004 - Brasil
Recomendação: 14 anos

ELENCO

Pedro Cardoso .... Célio Rocha
Miguel Falabella .... Otávio Sabóia
Camila Pitanga .... Soninha
Stênio Garcia .... Acácio
Fernanda Montenegro .... D. Isaura
Fernando Torres .... Justo
Jean-Pierre Noher .... Gutierrez
Enrique Diaz .... Moraes
Mauro Mendonça .... Noronha
Tony Tornado .... Tonelada
Lúcio Mauro .... Tísico
Lúcio Andrey .... Meio-Kilo
Babu Santana .... Junior
Rogério Froes .... Dr. Soares
Louise Wischermann .... Celeste
José Wilker .... Dr. Sabóia
Paulo Goulart .... Ministro
Tonico Pereira .... Delegado
Guta Stressser .... Flávia
Suely Franco .... Tia de Célio
Fernanda Torres .... Isaura - jovem
Domingos de Oliveira .... Justo - jovem
Leonardo Netto .... Assessor do Ministro
Vagner A. Sanchez .... Carcereiro
Mário Hermetto .... Foca
Marcel Miranda .... Célio - criança
Guilherme Vieira .... Otávio - criança

FICHA TÉCNICA

Produção .... Cláudio Torres
Produção .... Leonardo Monteiro de Barros
Música .... Maurício Tagliari
Música .... Luca Raele
Fotografia .... Ralph Strelow
Direção de Arte .... Tulé Peake
Figurino .... Marcelo Pies
Edição .... Vicente Kubrusly

PRODUTORAS

Conspiração Filmes
Globo Filmes
Warner Bros. Brasil
Estúdios Mega
MegaColor
Tibet Filmes
Quanta Centro de Produções

DISTRIBUIDORA

Warner Bros.

ERROS

1. Logo no começo do filme quando Célio aparece deitado morto, é possível perceber o seu olho direito se mexendo.

2. Depois do enterro do pai, Otávio está no escritório sentado e bebendo, ele aparece começando a retirar o copo da boca na tomada de perto, depois do corte para uma tomada de longe, o copo ainda está bebendo e depois de um segundo é que ele o retira da boca.

3. Logo depois ele aparece com a mão direta no braço da cadeira na tomada de longe com seu advogado falando ao celular, existe um corte para uma tomada de perto e Otávio já aparece com a mão direita sobre o joelho.

4. O advogado se dirige até Otávio para contar a notícia ruim, neste momento Otávio é visto com a perna direita não cruzada sobre a esquerda e a mão direita em cima do braço da cadeira, mas na tomada de perto sua mão direita está sobre o joelho da sua perna direita que está cruzada sobre a outra.

5. O editor do jornal está conversando com Célio e gesticulando apenas com a mão direita, depois do corte ele está fazendo isto com as duas mãos.

6. O pai de Célio diz que está morrendo, um segundo antes ele aparece na tomada lateral com a cabeça abaixada e olhando para outro lugar, logo depois do corte ele aparece olhando para o filho e com a cabeça levantada.

7. Ainda nesta seqüência o velho está com um cigarro na mão segurando pela ponta dos dedos quando o filho diz que vai alugar um apartamento, em seguida na tomada de longe o velho aparece segurando o cigarro entre os dedos de forma totalmente diferente.

8. O pai aparece depois segurando apenas um toquinho do cigarro na mão, depois do corte quando o velho é filmado do lado esquerdo, ele já está com o outro cigarro, o novo, na sua mão direita.

9. Continuando, existe outro corte para o lado direito dele em close e o velho está trazendo o cigarro até a boca, o cigarro que estava na mão direita, o pequeno, quando na cena anterior era o cigarro grande que estava nesta mão.

10. Célio diz que tem umas relações com Otávio Sabóia, neste momento o pai levanta-se da cama com o cigarro pequeno na mão direita, depois do corte para uma outra tomada do pai, ele aparece deitado se virando para o filho já com o cigarro grande na mão esquerda e nenhum na mão esquerda.

11. O pai fala que o filho tem medo, existe alguns cortes e então o cigarro pequeno está na mão esquerda quando antes era o pequeno, e o grande na mão direita quando antes estava na mão esquerda e na direita não tinha nada.

12. O pai aparece acende o cigarro novo duas vezes.

13. Quando ele expulsa o filho da casa, o cigarro que havia acabado de ser aceso está agora com a cinza grande.

14. Aos 0:14:29h do filme, ao expulsar o filho do quarto, ele é visto apontando com a mão direita onde está o cigarro, depois do corte na tomada lateral ele ainda aparece com o cigarro na mão direita, mas ao dizer "me gusta muito", filmado de frente, o cigarro está na mão esquerda.

15. Célio entra no apartamento 808 invadido e vemos um close da mesa com Acácio sentado ao fundo. Nesta tomada vemos um copo, um cinzeiro e o martelo, mas depois do corte o martelo aparece exatamente atrás do cinzeiro, o que não acontecia antes.

16. Célio pergunta como eles se sentem por morar num apartamento que não é deles, o martelo muda de posição novamente.

17. Acácio está contando a história e vemos Soninha sentada no sofá ao fundo. Observe que ela está com o braço esquerdo apoiado no sofá, a mão esquerda apoiada na cabeça e suas pernas abertas com a mão direita no meio delas, depois do corte para um close sua posição está totalmente diferente, agora com as pernas fechadas e os braços cruzados.

18. Logo depois ela aparece com os braços descruzados, Sua posição muda algumas vezes entre os cortes.

ABSURDO: 19. 0:21:47h. Quando Célio diz que aquilo é crime, podemos ver atrás dele do lado direito da cena, a sombra do boom se movendo da direita para a esquerda.

20. Logo depois dos cortes ainda vemos Célio falando e a sombra do microfone permanece atrás dele se movendo.

21. Célio é expulso do apartamento e mais uma vez a sombra do boom é vista na parede.

22. Ao ser expulso do apartamento, existe um corte para a sacada do prédio onde Célio conversa com Otávio. Otávio pega um cigarro e existe um novo corte, depois disto o cigarro já aparece aceso na mão dele, sem nem mesmo ter acendido. Observe que é um erro pois a fala continua em seqüência.

23. No começo da conversa de Célio com Otávio no parapeito do prédio, é possível ver que a sombra provocada pelo Sol é muito forte e vindo por detrás do prédio. Mas nesta nova seqüência, a sombra deles sentados é exatamente ao contrário, ela aparece na parede atrás deles, indicando que a fonte de luz mudou de lugar, o que seria impossível.

24. No prédio invadido, o fotógrafo aparece fotografando Soninha. O problema é que a máquina automática dele tira várias fotos em seqüência com o disparador automático, e não vemos a abertura e fechamento do diafragma, nem o contador que aparece me baixo indicando 26 fotos mudando a medida que uma nova foto é executada.

25. Célio está preso e Otávio vai vê-lo. Quando Célio o chama, ele o faz apenas com a mão esquerda enquanto a direita fica apoiada na mesa. depois do corte ele está fazendo isto com as duas mãos.

ABSURDO: 26. Célio entra na cela e vai se deitar junto do sanitário. O velho ao lado dele aparece deitado também e com o braço inteiro em cima do vazo, depois do corte sua mão está dentro.

27. Novo corte nesta mesa seqüência e ele aparece agora com o braço novamente em cima do vazo e não dentro como na tomada anterior.

28. Outra tomada e o velho diz que Deus pode até existir, neste momento ele aparece com seu braço está esticado por cima do vazo, mas depois do corte para uma tomada afastada e ele aparece novamente com a mão dentro do vazo sanitário.

29. Aos 0:54:30h, Célio recebe a visita de sua mãe e ela aparece na tomada de longe com a mão no vidro, sentada e sua cabeça abaixo dos furos, mas depois do corte para a tomada de perto, ela está de pé e sua cabeça está bem mais alta do que os furos.

30. A mãe diz que Otávio pode tirar Célio da cadeia com apenas um telefonema e o rapaz responde que não pode. Neste momento ele está sendo filmado de costas e aparece olhando para sua mãe, mas depois do corte sua cabeça está abaixada e virada para o outro lado.

31. Célio diz para a mãe que viu Deus e um relâmpago entra em cena, neste momento sua cabeça está mais abaixada do que a da mãe e então ele se afasta e está sorrindo, possível de se perceber no reflexo do vidro, porém em sua tomada de frente, a cabeça de sua mãe está virada, não está mais de frente para ele, e Célio está com sua cabeça mais alta que a da sua mãe e ele não está mais sorrindo.

32. D. Laura diz para o filho que Deus não existe, e ele aparece com o rosto junto ao vidro, mas após o corte ela está afastada e então Célio aproxima o rosto do vidro e não se levanta.

33. Ainda nesta cena depois do corte, Célio é visto de frente e agora ele está debruçado junto ao vidro e então se afasta.

34. Otávio mostra o testamento de Célio para D. Isaura, neste momento ele entrega o documento de frente para ela, após o corte o documento está de lado.

35. Ainda na cena o documento é pego em uma posição pela senhora, depois do corte o documento está virado e com o timbre para cima.

ABSURDO: 36. 1:01:54h Quando o amigo de Célio morre, e o rapaz leva a descarga elétrica e vai ressuscitar o amigo, este aparece com a camisa aberta quando ele encosta suas mãos no peito o amigo, mas um segundo antes a camisa estava fechada.

37. Otávio já preso no apartamento invadido beija Soninha, mas mesmo ela recusando aparentemente, ela retribui intensamente o beijo.

38. Na confusão geral todos sabem que o dinheiro está na mala, mas mesmo assim ninguém tentar pegar a mala e o dinheiro.

39. Célio é jogado do prédio e morre, mas nenhuma gota de sangue do seu corpo é vista.

40. No final do filme Célio já como um espírito está na cela vendo Otávio fazer sua pregação, mas mesmo como espírito um dos presos se afasta para ele poder sair da cela. Isto não acontece com os outros apenas com um do lado esquerdo dele.

41. Mesmo Célio sendo um espírito, sua sombra no chão pode ser vista quando ele está do lado de fora da cela indo embora.

42. Como eles conseguiram entrar no Brasil com uma mala cheia de dólares sem passar pela alfândega?

43. Otávio diz que o dinheiro não é suficiente para todos, mas se fizermos as contas, 45 milhões de dólares seria suficiente para pagar todos.

44. 1:05:45h - Começa uma cena meio absurda na porta da Assembléia Legislativa onde uns manifestantes estão malhando um boneco do Otávio. O absurdo é que param dois carros, ficam um tempão, depois o Soares sai de um carro, os carros vão embora e ninguém vai dar uma olhada, como se não estivessem famintos por satisfações. Um carro ali seria imediatamente cercado, apesar da distração do boneco. Vocês não concordam? (Contribuição de Victor Paes - Fã de Carteirinha)

45.  Quando Célio entra no avião de Sabóia para ir para Brasília, observe que o avião é um modelo que possui várias janelas redondas! Após Cálio conhecer o Boliviano Gutierrez, na decolagem, o avião é outro, com janelas quadradas! (Contribuição de Fábio Chagas Theophilo - Londrina / PR - Fã de Carteirinha)

::Enviar informações deste filme::
Clique aqui para enviar erros e comentários apenas deste filme.

IMAGENS E CURIOSIDADES

Filme de estréia do diretor Cláudio Torres. O convite para que Pedro Cardoso e Miguel Falabella protagonizassem Redentor se deveu à intenção do diretor de ter um elenco mais ligado à comédia, propondo uma interpretação dramática. Para realizar a cena da boate Camila Pitanga fez pesquisas em várias boates, para perceber o modo como as prostitutas dançavam e se posicionavam. Fernanda Montenegro e Fernando Torres, que integram o elenco, são os pais do diretor Cláudio Torres.