VOLTAR FILMES INTERNAUTAS

 
   

VIOLINO VERMELHO
carlo cecchi, samuel l. jackson & irene graziolli

No século 17, um artesão faz um violino em homenagem ao filho que está para nascer.

O instrumento atravessa vários séculos e países. Itália, Áustria, Inglaterra, China e Canadá servem de cenário para esta luxuosa produção inéditas em cinemas do Brasil.

O diretor Girard fez um belo e emocionante filme que, através das cinco etapas, retrata as forças da ganância, da paixão e de outros sentimentos em distintos contextos (como durante a repressão na China comunista).

Mas não deixe de ver os erros também.

Diretor: François Girad
Escritores: Don McKellar & François Girard

Gênero: Drama / Romance / Mistério / Música

Warner Bros.

Título Original: The Red Violin (Le Violon Rouge)
Tempo: 130 min
Cor: Colorido
Ano de Lançamento: 1998 - Canadá / Itália / Inglaterra
Recomendação: 12 anos

ELENCO

Carlo Cecchi .... Nicolo Bussotti (Cremona)
Irene Grazioli .... Anna Bussotti (Cremona)
Anita Laurenzi .... Cesca (Cremona)
Tommaso Puntelli .... Apprentice (Cremona)
Samuele Amighetti .... Boy (Cremona)
Jean-Luc Bideau .... Georges Poussin (Vienna)
Aldo Brugnini .... Assistant (Cremona)
Christoph Koncz .... Kaspar Weiss (Vienna)
Clotilde Mollet .... Antoinette Pussin (Vienna)
Florentín Groll .... Anton von Spielmann (Vienna)
Johannes Silberschneider .... Father Richter (Vienna)
Rainer Egger .... Brother Christophe (Vienna)
Paul Koeker .... Brother Gustav (Vienna)
Wolfgang Böck .... Brother Michael (Vienna)
Josef Mairginter .... Brother Franz (Vienna)
Johan Gotsch .... Funeral Monk (Vienna)
Geza Hosszu-Legocky .... Gypsy Violonist (Vienna)
David Alberman .... Gypsy Violonist (Vienna)
Arthur Denberg .... Prince Mansfeld (Vienna)

FICHA TÉCNICA

Produção .... Niv Fichman
Música .... John Corigliano
Fotografia .... Alain Dostie
Edição .... Gaétan Huot
Elenco .... Deirdre Bowen
Elenco .... Andrea Kenyon
Desenho de Produção .... François Séguin
Direção de Arte .... Martyn John
Cenário .... Judy Farr
Figurino .... Renée April
Efeitos Especiais .... Buzz Image Group

PRODUTORAS

Channel Four Films
Mikado Films
New Line International
Red Violin Productions Ltd.
Rhombus Media Inc.
Sidecar Films & TV
Téléfilm Canada

DISTRIBUIDORAS

Alta Films S.A.
Concorde Home Entertainment
EDKO Film Ltd.
Filmes Lusomundo
Lions Gate Films
Metropolitan Filmexport
RCV Film Distribution
Roadshow Entertainment
VCL Communications GmbH
Warner Bros.
Warner Home Vídeo

ERROS

Estes erros abaixo foram enviados por Heverton Luiz dos Santos - Osasco / SP - Fã de Carteirinha

1. Perto do início, quando a moça começa a sentir as dores do parto, ela é mostrada de longe com os cabelos para trás. Após o corte, ela é mostrada mais de perto com uma mecha do cabelo caindo sobre seu rosto. O mesmo erro volta a ocorrer no final da cena.

2. M. Poussin chega ao convento e desce da carruagem. Ele tira o chapéu e troca de mão várias vezes para segurá-lo. Antes do primeiro corte, repare que ele está segurando-o com a mão esquerda. Depois desse corte, com a direita.

3. Preste atenção na cena onde Cesca diz à Anna que conseguiu novos amuletos e ossos para ela. Neste momento, Anna se senta, e coloca apenas a mão direita sobre a mesa. Depois do corte, ela já está também com a mão esquerda sobre a mesa.

4. Na cena do leilão do Stradivarius, repare que, quando os lancem chegam a um milhão e 775 mil, o sr. Ruselsky, na platéia, vira-se e entrega umas folhas para um homem na fileira de trás. Ele, então, vê Morritz entrando na sala, e cumprimenta-o com o braço. A mulher que está do lado de Ruselsky também se vira. Depois do corte, na tomada do fundo da sala, eles já estão novamente virados para a frente. Preste atenção.

5. Quando Cesca vira a primeira carta, a Lua, a carta está perto de uma chave. O filme prossegue e, mais adiante, quando Cesca vira a segunda carta, o Enforcado, essa chave aparece numa posição diferente, em relação à carta da Lua.

6. Quando Pope está em seu camarim se aquecendo, ele segura o violino na mão esquerda e o arco na mão direita. Quando Victoria entra no camarim, vemos a imagem de Pope no espelho, e a imagem está invertida, dando a impressão que ele segura o violino na mão direita e o arco na esquerda.

7. ABSURDO: No leilão do Violino Vermelho, quando vemos Suzanne pela primeira vez, ela oferece o lance de 300 mil dólares pelo violino. Mais adiante, quando vemos a cena depois que o representante da Fundação Pope entra no leilão, é ele quem faz o lance de 300 mil, e Suzanne dá o lance seguinte, de 320 mil dólares.

8. ABSURDO: Bem no início do filme, quando vemos Morritz chegando ao local do leilão, vemos Nicholas Olsberg (o representante da Fundação Pope) caminhando à sua frente, e ele está segurando uma pasta na mão esquerda e o casaco na direita. Mais adiante, quando revemos a cena (depois do filme contar a ligação de Pope com o violino), Nicholas não está segurando nada na mão direita quando chega à mesa.

9. Perto do final, o modo como Nicolo segura o pincel muda no corte que há quando ele usa a tesoura.

10. Na mesma cena, quando Nicolo começa a preparar a “tinta”, repare na hora em que ele mexe o líquido no vidro com o cabo do pincel. Nesta hora, ele põe a mão esquerda do lado do vidro. Depois do corte, ele está segurando o vidro com a mão esquerda.

11. Na mesma cena, no mesmo corte, o vidro com o líquido verde que ele havia deixado sobre a mesa muda completamente de posição.

12. Quando Nicolo corta o pulso de sua mulher, já morta, o sangue escorre pelos dedos de Anna. Num dos cortes da cena, porém, vemos o sangue escorrendo pelas costas da mão de Anna.

13. Na cena onde Morritz está trocando os violinos, repare no funcionário que vai trocar o último lote: o modo como ele segura a caixa do violino muda entre os cortes: preste bastante atenção na sua mão direita.

14. O modo como Suzanne segura o telefone muda no corte que há quando ela oferece o lance de 270 mil dólares pelo Violino Vermelho, na terceira – e última vez – que vemos a cena.

::Enviar informações deste filme::
Clique aqui para enviar erros e comentários apenas deste filme.

IMAGENS E CURIOSIDADES

Belíssima trilha original vencedora do Oscar de melhor música de 1999.

Foto: Vitor Hugo - Portugal